Certificações Financeiras

Marcação a Mercado

Kleber Stumpf
Escrito por Kleber Stumpf em 7 de novembro de 2019

Cursos Anbima, Ancord e Abecip com Desconto

Quando tratamos sobre gestão de recursos, a MAM – Marcação a Mercado é de extrema relevância.

E para você saber tudo, já começa dando um play aqui no vídeo e vem saber tudo!

Bom, agora que você já tem uma base do que é a Marcação a Mercado, quero te dizer que para que ela tudo possa ser compreendido, é essencial que falamos sobre a Marcação pela Curva do Papel.

Não entendeu? Não se preocupe que eu explico!

O que é Marcação a Mercado?

O principal objetivo da MAM é evitar a transferência de riquezas entre os cotistas.

Antigamente, essas riquezas eram transferidas da seguinte maneira: ela era como uma linha reta que chamávamos de Marcação Pela Curva, mas aí, começamos a marcar o papel pelo mercado, uma linha com curvas.

E quando compramos um Título Público Federal, por exemplo, se for um pré-fixado sabemos que seu valor sempre será de R$ 1.000,00. Contudo, você saberia me dizer como o pessoal chegava na linha reta?

Basicamente, eles sabiam que os R$ 1.000,00 era o valor futuro e que iriam manter o título até o vencimento. Então, sabemos que lá no meio de tudo há o pagamento de R$ 0,00, depois uns R$ 400,00, depois R$ 600,00, e assim por diante do fundo.

Logo, eles sabiam qual era a taxa de juros e iam contabilizando juros sobre juros até chegar na data de vencimento no valor de R$ 1.000,00.

Curso Online para Certificação CPA10

Porém, hoje, a taxa de juros varia muito mais do que anos atrás. E o que acontece é que sabemos que se a taxa de juros é de 10% o PU aqui neste exemplo é de um, né?!

Agora, se a taxa de juros for de 20%, nessa mesma data, que faltaria um ano, teremos que ter uns R$ 800,00. Isto é, o PU varia.

Mas, preste atenção: ele varia no mercado. E é aí que entramos com a nossa linha que oscila e que chamamos de Marcação a Mercado.

Kléber, por que se chama Marcação a Mercado?

Ela se chama assim, pois é o preço do título no mercado naquele momento. Por isso que ela se torna diferente da Marcação pela Curva do Papel.

Mais de 4000 questões comentadas para sua certificação financeira

Conceitos

O preço das cotas deriva da valorização ou desvalorização dos ativos que compõem a carteira do fundo. Sejam eles de Renda Fixa ou Renda Variável. O gestor do fundo compra títulos de Renda Fixa com taxa pré-fixada para a carteira e precificava a cota do fundo pelo que chamamos de “curva do papel”. Em outras palavras, considera apenas a projeção de juros do título sem considerar as oscilações de mercado.

Títulos pré-fixados estão sujeitos à alteração de preço durante sua maturação. Isso porque até o vencimento do título, o valor dele pode mudar diariamente ou até mais de uma vez no mesmo dia. Refletem diariamente as condições às quais estão sendo negociados no Mercado Secundário.

E para que você possa compreender melhor, olha só o gráfico que mostra:

Gráfico do Preço Real e Preço Teórico.
  • Preço real (verde): representa a rentabilidade acumulada do investimento
  • Preço teórico (azul): simula o valor do investimento baseado na taxa de juros contratada. Manter o título até o dia do vencimento garante esta rentabilidade

Relembrando que:

Objetivamente, a MAM, é o fundo sendo precificado (marcado) somente com a projeção do papel, pode trazer distorção de preços e promover a distribuição de riqueza entre cotistas. 

A projeção chamada de “curva do papel” projeta um crescimento contínuo e não considera as oscilações de mercado. Já a “curva de mercado”, precifica o ativo diariamente considerando as oscilações de mercado.

A Marcação a Mercado de um Fundo de Investimento é responsabilidade do administrador mas normalmente feita pelo gestor. Essa precificação é feita diariamente, o que não significa que o gestor precisa compra ou vender ativos todos os dias e irá refletir o preço dos ativos nas cotas.

Na compra e venda de cotas pode ocorrer a transferência de riqueza entre os cotistas. Isso ocorre quando o preço teórico está menor que o preço de mercado. O cotista que vender suas cotas pelo preço de teórico, sai perdendo um dinheiro e o novo cotista que comprar cotas, estará sendo beneficiado.  

A Marcação a Mercado em fundos de investimentos evita a transferência de riquezas entre cotistas, precificando as cotas dos Fundos de Investimento pelo valor de mercado dos títulos que compõem a carteira.

É obrigatória para todos os fundos , com exceção dos fundos exclusivos que podem ter esse procedimento dispensado por solicitação do cotista.

Quer passar em uma certificação Financeira?

Receba um e-book exclusivo com 7 dicas para ser aprovado!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 Replies to “Marcação a Mercado”

CLEITON DA COSTA FARIA SANTOS

Boa tarde Kleber, eu gostaria de tirar uma duvida, a marcação a mercado é responsabilidade do Administrador ou do Custodiante?

Kleber Stumpf

Oi Cleiton, tudo bem?

Depois de vários estudos e discussões, chegamos a conclusão de que essa é uma obrigação do administrador do fundo, podendo ser terceirizada para o custodiante.

Visite meu canal no YouTube!

Adquira nosso curso completo da para as provas da ANBIMA.

Siga a gnt no Intagram e não esqueça de compartilhar nosso conteúdo para que possamos continuar com a educação financeira gratuita.

Siga-nos no instagram.
Um abraço,
Kléber Stumpf

Sil

Tenho uma dúvida, se a Mam é diária, porque as vezes ocorre de de repente um fundo dar rentabilidade negativa e pelo histórico o fundo tem um bom desempenho? Estou fazendo essa pergunta porque escutei o seguinte comentário: ” Os fundos não foram bem esse mês devido a Mam” e gostaria de entender isso.

Kleber Stumpf

Oi Sil, tudo bem com você?

Vamos lá…

Um fundo de investimentos pode ter bons ativos em carteira como tesouro pré fixado a taxas de 12% ao ano, o que hoje seria excelente.

A MAM, ou marcação a mercado precifica o título pelo preço de mercado e não pela curva de juros. Isso significa que se a taxa de juros subir irá haver um efeito no preço a mercado do título e apresentar rentabilidade baixa ou negativa para o fundo.

Este é um assunto um pouco complexo para responder somente em um comentário, por isso já coloquei no meu planejamento de conteúdos para fazer um vídeo explicando melhor esta sua dúvida.

Você já é inscrita no canal do YouTube?

😉

Visite meu canal no YouTube!

Adquira nosso curso completo da para as provas da ANBIMA.

Curta nossa página no facebook e não esqueça de compartilhar nosso conteúdo para que possamos continuar com a educação financeira gratuita.

Um abraço,
Kléber Stumpf