CEA - Certificação Especialista de Investimentos

CEA - Especialista em Investimentos

Kleber Stumpf
Escrito por Kleber Stumpf em 7 de novembro de 2019

A CEA é uma certificação para quem deseja se tornar um Especialista de Investimentos Anbima – Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiros e de Capitais.

Quem pode fazer a CEA?

Enquanto as certificações bancárias da CPA 10 e CPA 20 tem o objetivo de comprovar a qualificação dos profissionais que atuam como gerentes bancários.

A  CEA destina-se para os profissionais que desejam se tornar especialistas em investimentos. Sendo que, estes profissionais fornecem acessoria aos gerentes de produtos de investimentos.

Além de se destinar a quem deseja assumir responsabilidade perante a gerência e possui interesse em crescer profissionalmente dentro do mercado bancário e/ou financeiro. Também é para todos profissionais que trabalham em Instituições Financeiras em geral.

E fique tranquilo que não existe nenhum requisito acadêmico ou exigência de vínculo com uma instituição afiliada a ANBIMA para que o candidato realize a prova da CEA. Devendo apenas, o profissional vinculado fazer a inscrição diretamente.

Posso fazer direto  CEA?

Mas, eu Kléber, recomendo para quem tiver interesse nessa certificação, que faça ela somente se já estiver estagiando ou trabalhando em alguma instituição.

Isso porque, acredito que o vínculo com uma empresa e uma experiência prévia seja ideal para o bom desempenho na prova e na profissão.

Qual a diferença da CPA 10 e CPA 20 com a CEA?

A principal diferença entre estas certificações da Anbima é os conhecimentos de matemática finaceira que se deve possuir. Visto que, na CEA, há questões que exigem cálculos.

Desta maneira, é necessário dominar a HP 12C e tê-la em mãos no momento da prova.

Como funciona a prova?

Se formos pesquisar como que funciona a prova da ANBIMA, veremos que lá no site estará escrito que ela é uma prova online, mas na verdade ela é computadorizada. Você vai lá e paga a taxinha de inscrição e vai até um local, já definido, e faz a prova em um computador.

A data e o horário é escolhido por você mesmo, assim como o local da prova. Então você vai lá se inscreve, paga a taxinha e escolhe horário e local, sendo que não é necessário nenhum pré-requisito para a sua realização.

Mas, ao falarmos do calendário de datas, a Anbima é bem organizada nesse requisito. E acaba liberando sempre no início de cada ano as datas que ocorrerão as provas. Sendo que, elas são realizadas sempre na primeira e na terceira terça-feira de cada mês.

A prova da CEA possui 70 questões de múltipla escolha, e você terá três horas e meia para responder todas as questões. Maas, anote aí: para ser aprovado é necessário ter no mínimo 70% de acertos.

Qual é o conteúdo que cai na prova?

Separei os conteúdos necessários para que você se prepare para a hora da prova. Eles são bem equilibrados de acordo com o profissional. São 7 módulos, porém – preste bem atenção – cada um possui um peso diferente na hora da correção.

1. SFN e Participantes do Mercado (Certificação CEA DE 5% A 15 % de 3 a 10 questões)

1.1 Composição do SFN;

1.1.1 Atribuições dos órgãos de Regulação e Fiscalização:

1.1.2 Instituições Financeiras:

1.1.3 Outros Intermediários (Sociedades Corretoras de Títulos e Valores Mobiliários e DTVMs);

1.1.4 B3 S/A – Brasil, Bolsa e Balcão;

1.1.5 Investidores Qualificados, Investidores Profissionais e Investidores Não-Residentes;

1.1.6 Entidades Fechadas de Previdência Complementar – EFPC;

1.2.1 Atribuições da ANBIMA;

  • Código de Regulação e Melhores Práticas para as Ofertas Públicas de Distribuição e Aquisição de Valores Mobiliários;
  • Código de Regulação e Melhores Práticas de Fundos de Investimento;
  • Código de Regulação e Melhores Práticas para o Programa de Certificação Continuada;
  • Código de Regulação e Melhores Práticas para Distribuição de Produtos de Investimento no Varejo;

1.3 Prevenção e Combate a Lavagem de Dinheiro ou Ocultação de Bens, Direitos e Valores;

1.3.2 Aplicação do princípio “Conheça seu cliente”;

1.4 Normas e Padrões Éticos;

  • Chinese Wall e Política de Segurança da Informação;
  • Insider trading e inside Information;
  • Front running;
  • Confidencialidade;
  • Conflito de interesses;

1.4.3 Código de Distribuição de Produtos no Varejo;

Curso Online Preparatório para Anbima CEA

2. Princípios Básicos de Economia e Finanças (Certificação CEA DE 5% A 15 % de 3 a 10 questões)

2.1 Conceitos Básicos de Economia

2.1.1 Indicadores econômicos;

2.1.2 Política Fiscal;

2.1.3 Política Cambial;

2.1.4 Contas Externas: Balança Comercial, Transações Correntes, Conta de Capital;

2.2 Conceitos Básicos de Finanças:

2.2.1 Valor Presente, Valor Futuro, Taxa de Desconto e Diagrama de Fluxo de Caixa;

2.2.2 Regime de Capitalização Simples e Proporcionalidade de Taxas;

2.2.3 Regime de Capitalização Composto e Equivalência de Taxas;

2.2.4 Regime de Capitalização Contínuo;

2.2.5 Desconto Bancário ou “por fora”;

2.2.6 Taxa de Juros Nominal e Taxa de Juros Real

  • Indexador e Fórmula de Fisher;

2.2.7 Séries Uniformes de Pagamentos;

2.2.7.3 Perpetuidade;

2.2.7.4 Valor Futuro (ou Montante) de uma Série Uniforme de Pagamentos;

2.2.8 Sistemas de amortização;

  • SAC (Sistema de Amortização Constante);
  • Tabela Price;
  • SAA (Sistema de Amortização Americano)

2.2.9 Métodos de Análise de Investimentos;

  • Taxa Mínima de Atratividade;
  • Custo de Oportunidade;
  • Taxa Interna de Retorno (TIR) e Taxa Interna de Retorno Modificada;
  • Risco de Reinvestimento;
  • Valor Presente Líquido (VPL);

Curso Online Preparatório para Anbima CEA

3. Instrumentos de Renda Fixa, Renda Variável e Derivativos ( Certificação CEA DE 15% A 25 % de 10 a 18 questões)

3.1 Instrumentos de Renda Fixa;

3.1.1 Formação das Taxas de Juros no Brasil;

  • A Influência das Taxas de Juros nas Empresas e no Governo;
  • A Política Monetária, seus instrumentos e o Comitê de Política Monetária (COPOM);
  • Investimentos e Cenários: relação entre os cenários econômicos e as taxas de juros;

3.1.2 Caderneta de Poupança;

3.1.3 Principais características de Títulos Públicos e Privados;

3.1.4 Indicadores de Renda Fixa;

  • Índice de Mercado ANBIMA – (IMA-B, IRF-M e IMA-S);
  • IDkA – Índice de Duração Constante ANBIMA (segmento Prefixado e segmento IPCA);

3.1.5 Estrutura Temporal das Taxas de Juros;

  • Projeção da curva de Juros Prefixada;
  • Projeção da curva de Cupom Cambial (dólar/euro);
  • Projeção da curva de Cupom de IGP-M e IPCA;

3.1.6 Estrutura de Negociação do Mercado de Títulos Públicos e Privados;

  • Leilões e Mercado de Balcão;
  • Negociação no Mercado Primário e Secundário;

3.1.7 Tesouro Direto;

3.1.8 Principais Títulos Públicos negociados no Mercado Interno;

  • Letras do Tesouro Nacional (LTN);
  • Letras Financeiras do Tesouro (LFT);
  • Notas do Tesouro Nacional (NTN-B; NTN-B Principal e NTN-F);

3.1.9 Principais Títulos Privados negociados no Sistema Financeiro Nacional;

3.1.9.1 Certificado de Depósito Bancário (CDB);

3.1.9.2 Recibo de Depósito Bancário (RDB);

3.1.9.3 Depósito Interfinanceiro (DI);

3.1.9.4 Depósito à Prazo com Garantia Especial (DPGE);

3.1.9.5 Notas Promissórias (NP);

3.1.9.6 Debêntures e Debêntures Incentivadas (Lei 12.431/2011);

3.1.9.7 Securitização de Recebíveis;

3.1.9.8 Títulos do segmento imobiliário:

3.1.9.9 Títulos do segmento agrícola;

3.1.10 Operações compromissadas;

3.1.11 Renda Fixa Internacional:

  • Taxas de Câmbio: Relações de Paridade entre as Moedas;
  • Transferência Internacional de Recursos;
  • Principais títulos emitidos pelo Tesouro Norte-Americano:
    • Treasury Bills;
    • Treasury Notes;
    • Treasury Bonds;
    • TIPS – Treasury Inflation-Protected Securities;
  • Títulos Brasileiros no Mercado Internacional: Global Bonds e Eurobonds;
  • Outros títulos: Certificates of Deposit (CD) e Commercial Papers (CP);
  • Repos (Repurchase Agreements);

3.1.12 Os Riscos em aplicações de Renda Fixa;

3.1.12.1 Risco de Crédito;

3.1.12.2 Ratings e sua influência sobre preços dos ativos;

3.1.13 Análise de Títulos de Renda Fixa;

  • Yield to Maturity, Current Yield e Coupon Rate;
  • Relação entre prazos dos títulos, taxas de juros, risco de crédito e formação de preços;
  • Duration de Macaulay e Duration Modificada;

3.1.14 FGC – Fundo Garantidor de Crédito;

3.2 Renda Variável

3.2.1 Ações: Tipos, Classes e Espécies;

3.2.2 BDRs – Brazilian Depositary Receipts (Patrocinados e não patrocinados);

3.2.3 Riscos no Mercado Acionário

3.2.4 Mercado de Ações

3.2.4.1 Direitos dos Acionistas

  • Acionistas Minoritários
  • Tag Along;
  • Direitos de Subscrição, Bonificação, Desdobramento de Ações e Grupamentos de Ações;

3.2.4.2 Ganho de Capital na valorização das ações, Dividendos e Juros sobre Capital Próprio;

3.2.4.3 Mercado Primário e Mercado Secundário;

3.2.5 Abertura de Capital (Initial Public Offering – IPO) e Oferta Pública de Valores Mobiliários;

  • Principais Instituições: funções e principais características;
    • Banco Coordenador
    • Agência de Rating;
    • Agente Fiduciário;
    • Banco Escriturador e Mandatário;
    • Banco Liquidante;
    • Depositário;
    • Custodiante;
    • Função do formador de mercado (Market maker) e mecanismo de estabilização de preços;
  • Subscrição Pública de Ações: O papel dos principais agentes no Processo de Underwritting;
  • Tipos de Subscrição: Firme, Residual (Stand-by) e Melhores Esforços (Best Effort);
  • Formação de Preço na Emissão das Ações: Bookbuilding; Preço Fixo ou Leilão em Bolsa;

3.2.6 Código ANBIMA de Regulação e Melhores Práticas para Ofertas Públicas de Distribuição e Aquisição de Valores Mobiliários

3.2.7 Negociação no Mercado Secundário de Ações;

  • Bolsas de Valores; Mercado de Balcão; Bovespa Mais e Bovespa Mais Nível 2;
  • Tipos de Ordens de Negociações;
  • Operações a Vista, a Termo e Opções;

3.2.8 Índices de Bolsa de Valores:

  • Índice Bovespa (IBOVESPA);
  • Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE);
  • Índice Brasil (IBrX);
  • Índice de Ações com Governança Corporativa Diferenciada (IGC);;
  • Índice MidLarge Cap – MLCX;;
  • Índice Small Cap – SMLL;
  • Índice de Energia Elétrica-IEE;
  • Metodologias de composição dos índices;

3.2.9 Governança Corporativa;

3.2.10 Avaliação de Investimentos em Ações;

  • Conceitos Gerais: Valor Nominal, Valor Patrimonial, Valor de Mercado e Valor de Liquidação;
  • Lucro por Ação – LPA;
  • Índice Preço/Lucro – P/L;
  • Custo Médio Ponderado de Capital;
  • Medida de fluxo de caixa(EBITDA);
  • Distinções entre Análise Técnica e Análise Fundamentalista;

3.2.11 Investimentos em Ações no Exterior;

  • Ações de Empresas Estrangeiras negociadas nos Estados Unidos e em outros mercados:
    • American Depositary Receipts (ADR) – Níveis 1, 2, 3 e 144-A;
    • Global Depositary Receipts (GDR): P
    • Principais características dos produtos e as diferenças entre os recibos e mercados;
  • Índices de bolsa de valores no exterior;
    • S&P 500;
    • Dow Jones;
    • NASDAQ;
    • MSCI World;
    • MSCI Emerging Markets;
    • Euro Stock;

3.2.12 Clubes de Investimento em Ações;

3.3 Mercado de Derivativos;

3.3.1 Conceitos Gerais de Derivativos;

3.3.2 Formas de utilização dos Contratos Derivativos: Principais estratégias, os riscos e suas utilizações;

  • Especulação;
  • Arbitragem;
  • Hedge;

3.3.3 Mercados Futuros;

3.3.3.1 Conceitos Gerais: Definições e características operacionais;

3.3.3.2 Participantes dos Mercados Futuros;

3.3.3.3 Contratos Futuros Negociados em Bolsas: Ações, Índices, Taxas de Juros, Taxa de Câmbio e Commodities;

3.3.3.4 Contratos Futuros de Balcão de negociação de moeda sem entrega física;

3.3.3.5 Principais Estratégias com Contratos Futuros; os riscos e suas utilizações;

  • Estratégias de Hedge; conceitos e aplicações práticas;
  • Estratégias de Especulação: conceitos e aplicações práticas;
  • Estratégias de Arbitragem: conceitos e aplicações prática;

3.3.4 Mercado de Opções;

3.3.4.1 Conceitos Gerais sobre Opções; Opções Europeias e Americanas: características, os riscos e suas utilizações;

3.3.4.2 Participantes do Mercado de Opções;

3.3.4.3 Opções de Compra (Call) e Opções de Venda (Put); Titular e Lançador;

3.3.4.4 Valor e Prêmio das Opções;

  • Fatores que influenciam o prêmio de uma opção;
  • Modelo Binomial – Conceito;
  • Modelo de Black & Scholes;
  • Principais Estratégias com Opções;
  • Operação de Financiamento;
  • Box de 2 pontas e 4 pontas;
  • Straddle e Strangle;
  • Caps, Floor e Collars;
  • Opções exóticas (com barreiras);

3.3.5 Mercado a Termo de Ações;

  • Conceitos Gerais: Definições; Principais características dos contratos e forma de negociação;
  • Principais Estratégias com Mercado a Termo de Ações;

3.3.6 Swaps;

3.4 Certificado de Operações Estruturadas – COE;

3.5 Tributação para Pessoas Físicas Residentes no Brasil;

3.6 Negociação, Liquidação e Custódia;

Curso Online Preparatório para Anbima CEA

4. Fundos de Investimento (Certificação CEA DE 10% A 20 % de 7 a 14 questões)

4.1.1 Definições e Aspectos Gerais;

4.1.2 Tipos de Fundos: Abertos e Fechados;

4.1.3 Fundos Exclusivos e Restritos;

4.1.4 Direitos e Obrigações dos Cotistas;

4.1.5 Administração;

4.1.6 Objetivo do Fundo e Política de Investimento;

4.1.7 Divulgação de informações para venda e distribuição;

4.1.8 Divulgação de Informações e Resultados;

4.1.9 Diversificação da Carteira do Fundo e seus Riscos inerentes; Limites por Emissor e por Modalidade de Ativo;

4.1.10 Fatores que afetam o valor da cota;

4.1.11 Dinâmica de aplicação e resgate;

4.1.12 Classificação dos Fundos quanto à Estratégia de Gestão (Ativo e Passivo);

4.1.13 Classificação CVM;

4.1.14 Outros tipos de Fundos (regidos por regulamentação própria);

4.1.15 Classificação ANBIMA. Estrutura e adequação de produtos em função dos objetivos do investidor

  • Nível 1;
  • Nível 2;
  • Nível 3;

4.1.16 Código ANBIMA de Regulação e Melhores Práticas para Fundos de Investimentos;

4.2 Carteira Administrada;

4.2.1 Conceitos Gerais;

4.2.2 Principais Características e comparação com Fundos de Investimento e Fundos Exclusivos;

4.3 Tributação em Fundos de Investimento e Carteira Administrada;

Curso Online Preparatório para Anbima CEA

5. Produtos de Previdência Complementar (Certificação CEA DE 10% A 15 % de 7 a 11 questões)

5.1 Previdência Social x Previdência Privada;

5.2 Agentes Reguladores e legislação aplicável ao mercado previdenciário;

5.3 Produtos disponíveis de Previdência Complementar Aberta e suas características;

5.3.1 Plano Gerador de Benefícios Livre (PGBL);

5.3.2 Vida Gerador de Benefícios Livre (VGBL);

5.4 Características técnicas que influenciam o produto;

  • Taxa de administração;
  • Taxa de carregamento;
  • Portabilidade;
  • Transferência entre diferentes perfis de planos;
  • Resgastes;
  • Fase de contribuição;
  • Fase de benefícios;
    • Renda mensal vitalícia;
    • Renda mensal vitalícia reversível ao cônjuge com continuidade aos menores;
    • Renda vitalícia com reversão a beneficiário indicado;
    • Renda vitalícia com prazo mínimo garantido;
    • Renda mensal temporária;
    • Renda mensal por prazo certo;
  • Pagamento único;
  • Possibilidade de pagamento de juros e/ou excedente financeiro;
  • Tábua Atuarial ou Biométrica;

5.5 O processo de venda dos produtos de Previdência Complementar;

5.6 Escolha do Tipo de Fundo de Investimento Durante a Fase de Acumulação;

5.6.1. Conceito de fundo exclusivo FIE;

5.6.2. Classificação ANBIMA;

  • Renda Fixa
  • Balanceados – até 15 %
  • Balanceados – de 15 a 30%
  • Balanceados – acima de 30%
  • Multimercados
  • Data-alvo
  • Ações

5.7 Qualidade da venda;

5.8 Tributação em Planos de Previdência Complementar;

5.8.1 Escolha do regime de tributação mais adequado ao cliente;

5.8.2 Regime Tributável ou Compensável;

5.8.3 Regime Definitivo ou Exclusivo: conceito;

5.8.4 Tributação após conversão em renda;

5.9 Planejamento Tributário utilizando Planos de Previdência Complementar Aberta;

Curso Online Preparatório para Anbima CEA

6. Gestão de Carteiras e Riscos (Certificação CEA DE 10% A 20 % de 7 a 14 questões)

6.1 Estatística aplicada;

6.1.1 Medidas de posição central: média, mediana e moda;

6.1.2 Medidas de dispersão: variância e desvio padrão (volatilidade);

6.1.3 Medidas de associação entre duas variáveis: covariância, coeficiente de correlação e coeficiente de determinação;

6.1.4 Distribuição Normal;

6.1.5 Intervalo de confiança em uma distribuição normal;

6.2 Risco, Retorno e Mercado;

6.2.1 Mercado Eficiente;

6.2.2 Risco e Retorno Esperados;

6.3 Seleção de Carteiras e Modelo de Markowitz

6.3.1 Retorno Esperado de uma Carteira; Retorno esperado de uma carteira de até três ativos

6.3.2 Diversificação do Risco de uma Carteira e o Modelo de Markowitz

6.3.3 Ativos com Correlação nula

6.3.4 Risco Diversificável e Risco Sistemático (não diversificável)

6.3.5 Taxa Livre de Risco e Prêmio pelo Risco de Mercado

6.3.6 A Fronteira Eficiente

6.3.7 Escolha da Carteira ótima

6.4 Modelo de Precificação de Ativos ;

6.4.1 Reta do Mercado de Capitais (Capital Market Line – CML);

6.4.2 Reta Característica

  • Coeficiente alfa
  • Coeficiente beta: O risco sistemático
  • Risco não sistemático
  • Reta do Mercado de Títulos (Security Market Line – SML)
  • Arbitrage Pricing Theory – APT;

6.5 Alocação de Ativos;

6.5.1 Asset Allocation;

6.5.2 Definição de classes de ativos e correlação entre os ativos de mesma classe;

6.5.3 Critérios de alocação de ativos e rebalanceamento das carteiras;

6.5.4 Alocação de ativos: horizonte de tempo e perfil do investidor

  • Alocação Estratégica em função da evolução do tempo do investimento;
  • Alocação Tática em função de alterações nas condições do mercado;

6.6 Acordo de Basiléia;

6.7 Gestão de Riscos em Fundos de Investimento e Carteiras Administradas;

6.7.1 Prêmio pelo Risco

6.7.1.1 Índice de Sharpe

6.7.1.2 Índice de Treynor

6.7.2 Índice de Modigliani

6.7.3 Valor em Risco de uma Carteira – VAR (Value at Risk)

6.7.4 Stress Test

6.7.5 Stop Loss

6.7.6 Back Testing

6.7.7 Tracking Error e Erro Quadrático Médio

Curso Online Preparatório para Anbima CEA

7. Planejamento de Investimento (Certificação CEA DE 15% A 25 % de 7 a 14 questões)

7.1 Entrevista e Processo de Análise do Perfil do Investidor;

7.1.1 Instrução CVM: 539 e 554

7.1.1.1 Obrigatoriedade do API para Pessoa Física e Pessoa Jurídica, isenções e exceções;

7.1.1.2 Adequação de produtos ofertados em função do perfil do investidor.

7.1.2 Fatores Determinantes para Adequação dos Produtos de Investimento as Necessidades dos Investidores;

  • Objetivo do investidor
  • Horizonte de investimento e idade do investidor
  • Risco versus retorno;
  • Capacidade de assumir riscos;
  • Nível de risco suportável pelo investidor e sua tolerância ao risco;
  • Retorno esperado e retorno requerido;

7.1.3 Entendimento dos objetivos, necessidades, restrições e prioridades do cliente

7.2 Decisões do Investidor na perspectiva de Finanças Comportamentais

7.2.1 A decisão do investidor na perspectiva das Finanças Comportamentais;

7.2.2 As principais Heurísticas (regras práticas que orientam o julgamento e avaliação dos investidores);

  • Heurística da disponibilidade;
  • Heurística da representatividade ;
  • Ancoragem;

7.2.3 Vieses comportamentais do investidor;

7.2.3.1 Otimismo e suas influências na decisão de investimento;

7.2.3.2 Excesso de Confiança

7.2.3.3 Armadilha da Confirmação;

7.2.3.4 Ilusão do Controle

7.2.4 Efeitos de estruturação (framing);

7.2.5 Aversão à perda;

7.3 Planejamento de Investimento;

7.3.1 Princípios básicos do Processo de Planejamento Financeiro Pessoal;

7.3.2 Entendimento do risco pelo investidor;

7.3.3 Orçamento Pessoal: poupança e gastos correntes; receitas e despesas. Fluxo de caixa;

7.3.4 Balanço Patrimonial: ativos e investimentos; passivos, dívidas e financiamentos. Patrimônio Líquido;

7.3.5 Reserva de Curto Prazo (reserva de emergência): necessidade e dimensionamento;

7.3.6 Apresentação e escolha de alternativas e carteiras de investimento de longo prazo;

7.3.7 Apresentação e acompanhamento da performance dos investimentos e aderência ao perfil de risco do cliente;

7.3.8 Recomendação de mudança dos investimentos em função de mudanças relação de risco x retorno do mercado (rebalanceamento);

7.3.9 Alternativas financeiras adequadas ao planejamento fiscal em função da situação econômica do cliente.

Tenho interesse! Como faço minha inscrição?

Para você que ficou interessado nessa certificação a inscrição para a realização da prova CEA deve ser feita direto no site da ANBIMA: www.anbima.com.br, e clicar na opção “Educar” e seleciona a certificação desejada.

A taxa de inscrição custa, agora em 2020, R$687,00 para candidatos vinculados à ANBIMA. E para quem ainda não é vinculado e está buscando a vaga, o valor sai de R$ 824,00.

Após a confirmação da inscrição você terá 60 dias para agendar sua prova.

Há muitas dúvidas em relação a diversos assuntos da prova, por isso vou te explicar as principais que o pessoal possui;

  1. Quem for fazer a prova pode solicitar o cancelamento da mesma duas vezes, significa uma alteração da data da prova, desde que seja 8 dias antes da data da prova;
  2. Caso seja realizado o cancelamento da prova, é necessário marcar a mesma novamente dentro do prazo de 7 dias, caso contrário o candidato terá sua inscrição cancelada.

Como estudar?

Agora a grande dúvida: como estudar? E eu te respondo que é para isso que nós da TopInvest estamos aqui para te ajudar! Se liga só nos conteúdos gratuitos que oferecemos:

Além de todo suporte da nossa equipe para tirar suas dúvidas em um atendimento que está sempre a disposição para te ajudar, ainda mais em nosso Curso Preparatório da CPA 10.

Preciso comprar um Curso?

Esta é uma pergunta muito comum aqui no site. A resposta como quase tudo em finanças é… depende. O nosso simulado da CEA é sem sombra de dúvidas o melhor simulado do mercado e uma ferramenta de estudos excepcional.

Mas estudar somente pelo simulado não é suficiente pois primeiramente você precisa aprender o conteúdo, e aqui é o grande segredo. Se você não está sob pressão da sua supervisão e tem de 45 a 60 dias para estudar não é necessário adquirir um curso e você pode aproveitar tranquilamente de todo nosso conteúdo gratuitamente que você encontra logo abaixo.

Em contrapartida, se você está sob pressão e precisa com certa urgência “tirar a CEA” é sim importante você adquirir um curso.

Curso Online Preparatório para Anbima CEA

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 Replies to “CEA – Especialista em Investimentos”

Quais são as etapas do Planejamento Financeiro? - TopIn...

[…] Mensuração e Gestão de Riscos CEA Simulado CEA Apostila CEA Questões Comentadas CEA Conteúdo Completo CEA SFN e Participantes do Mercado Economia e Finanças Renda Fixa e Renda Variável Fundos de […]

O que é Febraban e como são suas provas? - TopInvest Educação Fi...

[…] Mensuração e Gestão de Riscos CEA Simulado CEA Apostila CEA Questões Comentadas CEA Conteúdo Completo CEA SFN e Participantes do Mercado Economia e Finanças Renda Fixa e Renda Variável Fundos de […]

A Anbima voltou! - a retomada e o que muda? - TopInvest Educação Fi...

[…] Mensuração e Gestão de Riscos CEA Simulado CEA Apostila CEA Questões Comentadas CEA Conteúdo Completo CEA SFN e Participantes do Mercado Economia e Finanças Renda Fixa e Renda Variável Fundos de […]

Ivana Santos

Nos itens 5, 6 e 7 não há hiperlink para acessar o conteúdo 😞

Kleber Stumpf

Oi Ivana, tudo bem?

Ainda não! hehhehe,
Estamos passando para o site, mas você encontra todos esses conteúdos em nossa apostila gratuita.

Dá uma olhadinha aqui:
https://www.topinvest.com.br/apostila-cea-anbima/

Visite meu canal no YouTube!

Adquira nosso curso completo da para as provas da ANBIMA.

Siga a gnt no Intagram e não esqueça de compartilhar nosso conteúdo para que possamos continuar com a educação financeira gratuita.

Siga-nos no instagram.
Um abraço,
Kléber Stumpf