Investimentos

Conheça o CDI, o Certificado de Depósito Interfinanceiro

Kleber Stumpf
Escrito por Kleber Stumpf em 11 de agosto de 2020

Cursos Anbima, Ancord e Abecip com Desconto

Conhecido também por DI, o Certificado de Depósito Interfinanceiro é o empréstimo entre bancos. Que por sua garantia, é emitido um título que chamamos de, propriamente, CDI que possui nome, vencimento e taxa.

O CDI é muito lembrado no Mercado Financeiro por ser um índice de referência. Isto é, existem diversos investimentos que possuem rendimentos atrelados ao mesmo.

Curso online Preparatório para Ancord AAI

Qual a relação do Certificado de Depósito Interfinanceiro com os investimentos?

Por ser um índice de referência, as operações de investimentos se dão com prazo de um dia útil, mas podem ser renovadas.

Além disso, esses títulos são registrados na Clearing da B3, antiga CETIP. E refletem a média das operações realizadas no mercado interfinanceiro. O registro é importante porque através da média ponderada dessas operações extraímos o DI que é o principal Benchmark da Renda Fixa.

Sim, é isso mesmo que você está pensando, podemos chamar de DI, taxa DI, ou até mesmo taxa DI Over. Sendo que, esta informação é publicada diariamente e representa as operações realizadas no mercado.

Por que os bancos utilizam o CDI?

Sabemos que ao final do dia, as Instituições Financeiras necessitam fechar seu dia com saldo positivo, pois, determina a dimensão que um banco necssita ter em relação aos empréstimos que pode fornecer.

Porém, quando não acontece o momento positivo, um banco pode fornecer empréstimo de recursos entre bancos – regra do Banco Central para não fechar o dia negativo.

Mais de 4000 questões comentadas para sua certificação financeira

Desta forma, o Certificado de Depósito Interfinanceiro, o CDI, é utilizado pelas Instituições Financeiras. Mas, podem haver modificações. Ao invés de emitir um CDI, se a instituição possuir TPF pode usá-los em garantia do valor emprestado.

Esta operação possui um prazo de um dia e é registrada no sistema SELIC cuja média ponderada resulta na taxa Selic OVER.

Relembrando a SELIC Over

Se você não lembra, é melhor recordarmos.

A taxa SELIC Over é o resultado da média ponderada das operações realizadas no mercado interfinanceiro com lastro em títulos públicos.

Assim, o CDI, gera a Taxa DI, e as operações compromissadas com TPF geram a taxa SELIC Over.

Conseguiu entender?

Agora é sua vez! Conta para a gente o que você acha do Certificado de Depósito Interfinanceiro, você já viu algum antes?

Quer passar em uma certificação Financeira?

Receba um e-book exclusivo com 7 dicas para ser aprovado!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *