CA 300 Abecip

Outras Modalidades de Bancos

Kleber Stumpf
Escrito por Kleber Stumpf em 14 de fevereiro de 2020

Lembra que já falamos sobre os tipos de bancos que existem dentro do mercado financeiro do Brasil? Você sabia que ainda existem outros tipos de bancos em nosso país?

É isso mesmo! E para te deixar ainda mais ligado em todo assunto, hoje eu vou te apresentar quais são estes outros tipos de bancos. Assim, ficará super mais fácil de você se preparar para a sua prova e sua carreira.

Preparado? Então, simbora!

Como existem outros bancos?

Lembra que já estudamos que dentro do nosso mercado finaceiro existem os principais tipos de bancos: os Comerciais e de Investimentos

Só que descobrimos que como forma de maximizar os resultados e diminuir custos, eles podem ainda se organizar de uma forma que se chama Banco Múltiplo.

Como ele vira Banco Múltiplo?

Para ele ser chamado assim esse banco deve possuir uma destas duas carteiras, Comercial ou de Investimento, mais uma carteira qualquer.  

E esta outra carteira qualquer se enquadra neste assunto que vamos falar agora: as outras modalidades de bancos

Curso Online para Certificação CPA10

Quais são estes outros tipos de bancos?

Se liga só na lista que separei para você saber quais são estes outros tipos de bancos. Note que há alguns que já mencionamos anteriormente:

  • Banco Comercial – Já vimos;
  • Banco de investimento – Já vimos;
  • Banco Múltiplo – Já vimos;
  • Banco de Desenvolvimento;
  • Sociedade de Crédito Imobiliário;
  • Sociedade de Crédito, Financiamento e Investimento;
  • Sociedade de arrendamento mercantil.

Então, vamos verificar cada uma dessas modalidades restantes? Bora lá:

Bancos de Desenvolvimento:

  • São instituições financeiras controladas pelos governos estaduais;

Lembra do BNDS? Ele é considerado um banco de desenvolvimento, mas é organizado por uma empresa pública, logo, não é de fato um banco em desenvolvimento.  

  • Tem como função fornecer linhas de crédito para programas e projetos que visam promover o desenvolvimento econômico e social do respectivo Estado;
  • Devem ser constituídos sob a forma de sociedade anônima, com sede na capital do Estado;
  • Obrigatoriamente, deve ter em sua denominação social a expressão “Banco de Desenvolvimento”;
  • Fazem operações ativas são empréstimos e financiamentos, dirigidos prioritariamente ao setor privado.

– Operações Ativas: quando os bancos aplicam;

– Operações Passivas: que é de onde vem a fonte dos recursos de um banco. 

  • As operações passivas são depósitos a prazo, empréstimos externos, emissão ou endosso de cédulas hipotecárias, emissão de cédulas pignoratícias de debêntures e de Títulos de Desenvolvimento Econômico.

Sociedade de Crédito Imobiliário:

  • É um tipo de instituição financeira especializada no financiamento habitacional, integrante do Sistema Financeiro da Habitação (SFH);
  • É constituída na forma de sociedade anônima e é supervisionada pelo BACEN. Deve constar de sua denominação social a expressão crédito imobiliário;
  • Tem foco em financiamento para construção de habitações;
  • Também realizam abertura de crédito para compra ou construção de casa própria e no financiamento de capital de giro a empresas incorporadoras, produtoras e distribuidoras de material de construção.

E novamente temos as operações ativas e passivas nesta modalidade:

  • Operações ativas: financiamento para construção de habitações, abertura de crédito para compra ou construção de casa própria, financiamento de capital de giro a empresas incorporadoras, produtoras e distribuidoras de material de construção.
  • Operações passivas: Constituem operações passivas dessas instituições os depósitos de poupança, a emissão de letras e cédulas hipotecárias e depósitos interfinanceiros.

Mais de 4000 questões comentadas para sua certificação financeira

Sociedade de Crédito, Financiamento e Investimento:

Apesar de esse cara aqui ter um nome grande e falar de investimentos esses bancos são as Financeiras, como um garagista, e até mesmo as financeiras encontradas dentro de cada banco.

  • São instituições privadas que oferecem empréstimo e financiamento para aquisição de bens, serviços e capital de giro; 

Normalmente, quando falamos de carros usados, por isso falamos das Financeiras. 

  • Muitas SCFIs não ligadas a bancos fazem parte de conglomerados econômicos e operam como braço financeiro de grupos comerciais ou industriais;
  • Operam em nichos que não são atendidos pelos conglomerados bancários, principalmente nos empréstimos e financiamentos com características específicas, ou seja, principalmente com risco mais elevado, como já falei, os financiamento de veículos usados, convênios com estabelecimentos comerciais);
  • São constituídas sob a forma de sociedade anônima, em cuja denominação social deve constar a expressão “Crédito, Financiamento e Investimento”. São supervisionadas pelo Banco Central.

Sociedade de Arrendamento Mercantil:

  • Realiza arrendamento de bens móveis e imóveis adquiridos por ela, segundo as especificações da arrendatária (cliente), para fins de uso próprio desta;
  • Não são consideradas instituições financeiras, mas sim entidades equiparadas a instituições financeiras;
  • O arrendamento mercantil (leasing) permite usufruir de determinado bem sem ser proprietário dele.

Quer passar em uma certificação Financeira?

Receba um e-book exclusivo com 7 dicas para ser aprovado!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *