Se você é um analista de investimento que deseja dar um grande upgrade na carreira, ou alguém que ainda está começando a sua jornada pelo mercado e deseja uma certificação de maior prestígio, eu vos apresento a CNPI Apimec! 

Não a conhece? Então, vem comigo que hoje você vai aprender.

O que é a Apimec?

É a Associação dos Analistas e Profissionais de Investimentos do Mercado de Capitais. Além de educar profissionais, ainda autorregula a atividade de analista de valores mobiliários – por isso mencionei essa carreira no começo do artigo.

O que é a CNPI Apimec?

Administrada pela Apimec, a CNPI é uma certificação especialmente desenvolvida para profissionais que trabalham com o mercado de capitais

A quem obtém essa certificação, concede-se o título de analista de investimentos de valores mobiliários. Por consequência, esta pessoa pode recomendar ativos na Bolsa.

A quem se destina o certificado CNPI, CNPI-T ou CNPI-P?

A CNPI é ideal para profissionais que tenham ensino superior completo em qualquer área. Ou seja, qualquer um nessas condições que deseja construir uma carreira sólida no mercado financeiro pode tentar a CNPI.

CNPI vale a pena?

Primeiramente, eu preciso te advertir sobre a obrigatoriedade da CNPI, sendo, então, fundamental para todos aqueles que trabalham com análise e recomendação de investimentos.

Contudo, não é só por esse motivo que a CNPI vale a pena. Como eu já comentei anteriormente, este selo traz bastante prestígio para o seu currículo. Por quê?

Quais são as áreas de atuação do Analista de Investimento?

A importância da CNPI começa refletindo nas áreas de atuação – que, por sinal, com a certificação você atuaria em um nível mais sênior. Dá uma olhada em quais são as opções:

  • Consultoria;
  • Investment Banking;
  • Administração de recursos;
  • Finanças corporativas;
  • Administração de riquezas;
  • Análise e pesquisa financeira;
  • Relação com investidores;
  • Vendas e operações no mercado de capitais.

Quantas pessoas têm CNPI no Brasil?

De acordo com dados divulgados pela Apimec em junho de 2021, até o momento haviam 1.142 profissionais certificados. Em um país de tamanho continental como o Brasil, o número é pequeno. Ou seja, a concorrência que você encontrará na sua carreira não será alta.

Quanto ganha um profissional CNPI?

O salário de um profissional certificado como CNPI pode variar entre R$6.600 e R$35.000 mensais.

A variação justifica-se pelo amplo leque de funções disponíveis após obter essa certificação, e o salário alto é mais um indicativo de que a CNPI é um selo de prestígio no mercado financeiro.

Por que obter o certificado CNPI, CNPI-T ou CNPI-P?

O código de conduta ética da Apimec é rigoroso. Por consequência, todo profissional certificado com a CNPI precisa se submeter a ele. 

Esse detalhe torna o profissional valioso tanto para clientes, quanto para recrutadores. Afinal, a certificação transmite um grau elevado de credibilidade e qualidade.

Outro ponto bem importante sobre o porquê eu acredito que você deveria dar uma chance para a CNPI é a ampliação da sua atuação. Como assim? Com ela, você pode recomendar uma gama ainda maior de produtos, já que ela envolve o mercado de capitais. ou seja, estamos falando de um upgrade imenso na sua carreira.

Quem é responsável pelos exames CNPI?

Os exames CNPI são desenvolvidos pela Apimec. Sua realização, porém, ocorre nos Centros de Testes da FGV.

Como é a prova CNPI?

Grandes recompensas sempre vêm acompanhadas de grandes responsabilidades. Logo, é de se esperar que a prova seja complexa. Em resumo, o conteúdo da prova CNPI é este: 

  1. CB – Conteúdo Brasileiro – fase comum tanto para o analista fundamentalista, quanto técnico e pleno: Sistema Financeiro Nacional, Mercado de Capitais, Renda Fixa, Derivativos, Conduta e Relacionamento, Conceitos Econômicos, Governança Corporativa e Relações com Investidores e Sustentabilidade; 
  2. CG1 – Conteúdo Global 1 – fase para analista fundamentalista: Análise e Avaliação de Ações e Finanças Corporativas e Contabilidade Financeira e Análise de Relatórios Financeiros;
  3. CT1 – Conteúdo Técnico 1 – fase para analista técnico: Fundamentos da Análise Técnica, Teoria de Dow, Conceito de Tendência, Figuras Gráficas, Teoria das Ondas de Elliot, Padrões Candlestick, Indicadores, Gerenciamento de Risco, Estratégias Operacionais e Trading System.

Todas as três provas têm 60 questões e 1h50 de duração. O sistema de aprovação é o seguinte:

  • Quem for aprovado no CB e CG1 terá a certificação CNPI;
  • Quem for aprovado no CB e CT1 terá a certificação CNPI-T;
  • Quem for aprovado em todas as provas terá a certificação CNPI-P.

Após realizar um exame, o candidato terá 12 meses para ser aprovado em outro exame e obter a certificação. 

Quais as taxas e custos da prova CNPI?

As taxas para se inscrever nas provas são:

  • CB: R$610 para não-associados à Apimec e R$457 para associados;
  • CG1: R$762 para não-associados à Apimec e R$571 para associados;
  • CT1: R$762 para não-associados à Apimec e R$571 para associados.

A CNPI tem pré-requisito?

O único pré-requisito que um candidato deve apresentar antes de se inscrever para a CNPI é um diploma de nível superior. Inclusive, lembro que este diploma pode ser de qualquer área de atuação.

Pode usar calculadora na prova CNPI?

Sim! O candidato pode utilizar uma calculadora na hora da prova, desde que ela não seja alfanumérica.

Como fazer a inscrição para a certificação CNPI?

Primeiramente, o candidato deve se inscrever para a prova desejada na página de inscrições CNPI do site da Apimec. Após isso, terá 15 dias para efetuar o pagamento da taxa.

Depois do pagamento, terá outros 30 dias para escolher a data na qual deseja realizar o exame. Em até 7 dias antes do exame, é possível mudar a data no máximo 2 vezes.

Como estudar para a CNPI?

Ficou interessado pela CNPI? Então, vou agora facilitar o seu processo de estudos:

Simulado de prova CNPI Apimec

Os simulados são sempre uma excelente ferramenta de estudos, já que reproduzem a prova real. O simulado CNPI da TopInvest, por exemplo, é garantia de conteúdo atualizado e fiel.

Apostila CNPI Apimec

Mais uma vez, reforço a importância de ter um material atualizado para estudar. Como você já deve saber, as provas podem passar por alterações com o passar do tempo, e não ter uma apostila que acompanhe essas mudanças pode te levar à reprovação.

A apostila CNPI da TopInvest não somente é totalmente atualizada, como também é gratuita. 

Curso preparatório CNPI Apimec

Para finalizar, te apresento o curso preparatório CNPI Apimec da TopInvest! Mais de 30 horas de aula, questões comentadas, conteúdo atualizado e suporte de nossos professores vão te ajudar a mandar bem nas provas da CNPI! Vem com a gente?

Gostou do conteúdo? Sabia que temos muitos vídeos sobre certificações e investimentos no nosso canal do Youtube? Clique aqui para conhecer!