Hoje eu vou solucionar mais uma dúvida que é muito comum tanto para o investidor iniciante como para os nossos alunos de certificações financeiras como CPA 10, CPA 20 e CEA.

A dúvida: quem vem antes IOF ou IR?

Finalidade dos Impostos

Antes de mais nada é importante lembrar que o IOF (Imposto Sobre Operações Financeiras) é aquele imposto sobre operações financeiras. Este imposto incide tanto nas aplicações de renda fixa como em seguros, financiamentos, empréstimos e diversas outras operações financeiras.

A alíquota de arrecadação de IOF para aplicações financeiras é aquela que começa em 96% sobre o rendimento e vai reduzindo diariamente. Em um dia a alíquota é de 96%, em 5 dias temos 83%, 10 dias teremos 66% de IOF e assim por diante. Veja a tabela abaixo:

Quem vem antes IOF ou IR
Quem vem antes IOF ou IR

Para compreender quem vem antes IOF ou IR o segundo passo é também compreender que o imposto de renda, como diz o próprio nome incide somente sobre a renda. Neste caso como estamos falando especificamente de aplicações financeiras a alíquota também será regressiva, ou seja, quanto maior o prazo de aplicação menor será a tributação. Veja a tabela abaixo:

Tabela de Imposto de Renda Regressiva

Quem vem antes?

Bom, na verdade a resposta é muito simples e lógica.

Veja bem, IR significa Imposto de Renda. Faz sentido para você que somente vamos ter a renda do investimento depois de descontados os custos? Se ainda tivermos que pagar o IOF não seria exatamente imposto sobre a renda porque ainda haveriam descontos.

Então para que fique de fácil memorização basta lembrar que o IR (Imposto de Renda) é sempre o último tributo (ou custo a ser pago). Por isso, a resposta para a dúvida de quem vem antes IOF ou IR é que, o IOF vem antes e o IR depois.

Em alguns investimentos como é o caso das ações por exemplo, o imposto de renda deve ser recolhido sobre o lucro líquido. Isso quer dizer que para chegarmos a base de cálculo do imposto devem ser descontados todos os custos como corretagem, emolumentos, taxa de custódia da corretora e qualquer outro custo relacionado a operação.

Para finalizar a dica simples é sempre lembrar que o Imposto de Renda é sempre o último tributo a ser recolhido.

Estudando para uma certificação financeira? Venha participar do nosso grupo no Telegram. Temos grupos para todas certificações financeiras. Basta clicar aqui.