O objetivo do investidor tem como finalidade responder a principal pergunta de qualquer investidor iniciante.

“Qual é o melhor investimento para mim?”

A resposta para esta pergunta depende de diversos fatores. Costumo afirmar que um investimento não é melhor do que outro, apenas adequado a pessoas diferentes.

A primeira pergunta que você deve se fazer é qual será a destinação futura destes recursos. As possibilidades são imensas… entrada para aquisição da casa própria, o casamento de uma filha ou mesmo aquela tão sonhada viagem. Cada objetivo tem um prazo, o que nos leva a segunda pergunta.

Por quanto tempo o dinheiro ficará aplicado?

O horizonte de tempo é um fator essencial para uma escolha correta do tipo de aplicação pois cada investimento possui um prazo de maturação diferente e também tributações diferentes de acordo com o prazo.

O casamento da filha que acontece em seis meses pode ficar aplicado em uma Caderneta de Poupança.

Uma justificativa simples é por que este investimento é isento de imposto de renda para pessoas físicas.

Caso o objetivo do investidor seja aquela tão sonhada viagem para a Europa ou Estados Unidos para realizar em dois anos, uma opção atraente pode ser o CDB uma vez que este tipo de investimento tem uma rentabilidade maior porém é tributado pelo Imposto de Renda na tabela regressiva.

Mas e se o objetivo do investidor é a aposentadoria, com um horizonte de investimento de 30 anos?

Aqui é possível montar uma carteira de investimentos um pouco mais elaborada não é mesmo? Podemos incluir até algum percentual de investimento em ações. O investimento em renda variável porém apresenta riscos. O que nos leva a próxima questão.

Qual é o seu perfil de risco?

Como vimos anteriormente, existe um formulário chamado API (Análise de Perfil do Investidor).

Este formulário possui algumas perguntas chave que irão lhe ajudar a descobrir qual o seu perfil de risco. O seu perfil pode ser:

Conservador: Os investidores conservadores são avessos a risco, e fazem todo o possível para minimizar qualquer hipótese de perda de capital.

Moderado: O investidor com um perfil moderado também procura segurança em seus investimentos, mas aceita correr pequenos riscos para aumentar a rentabilidade. Este tipo de investidor busca o equilíbrio nas finanças.

Arrojado: Este tipo de investidor é mais agressivo e aceita correr maiores riscos em busca de maiores rentabilidades. Geralmente este tipo de investidor possui mais de 30% de seus recursos alocados em renda variável.

Ótimo, agora você já sabe o prazo do seu investimento e qual o seu perfil de risco. Quando começo a investir?

Melhor momento para começar a investir?

Esta é a única resposta que é idêntica para todos. O melhor momento para começar é agora.

Em cada momento da sua vida ou objetivo de investimentos você terá necessidades adversas e diferentes taxas de juros e opções de investimento disponível.

Curso Online para Certificação CPA10

Objetivo do Investidor

Mas os juros compostos são o grande segredo de qualquer investimento. Segundo o próprio Einstein em seu livro chamado: Einstein. Sua Vida, Seu Universo comenta que os juros compostos são a maior invenção da humanidade. O que você está esperando. Comece a investir agora mesmo.

Gostou do conteúdo? Sabia que temos muitos vídeos sobre certificações e investimentos no nosso canal do Youtube? Clique aqui para conhecer!