CEA - Certificação Especialista de Investimentos

O Mercado de Swap - a famosa troca de indexadores

Kleber Stumpf
Escrito por Kleber Stumpf em 29 de maio de 2020

Já falamos diversas vezes sobre o Mercado de Derivativos, e nada melhor do que aprofundarmoa ainda mais no assunto e saber sobre algumas de suas negociações. Por isso que hoje iremos falar sobre o Mercado de Swap e suas principais características.

Preparados? Então, partiu?

Compreendendo o Mercado de Swap

Podemos traduzir “swap” como “troca”, por isso que este mercado é conhecido por utilizar a troca de indexadores.

Aqui são contratos de derivativos registrados na Clearing da B3. E sempre irá possuir como contraparte uma Instituição Financeira. Ou seja, não há negociação de swap entre investidores.

A partir de agora eu separei tudo o que você precisa saber minuciosamente sobre o Mercado de Swap. Como ele se trabalha e suas principais especificações. Começando pelas características:

Curso Online para Certificação CPA10

Características

  • Valor Base: Valor do contrato que pode ser acordado entre as partes, ou o valor de um ativo.
  • Ponta Passiva: é o indexador que se deixa de receber após a contratação do swap.
  • Ponta Ativa: é o indexador que se passa a receber após a contratação do swap.

Ajustes no Swap

Ajuste é o resultado da operação. E aqui podemos encontrar dois tipos deles, o ajuste positivo e o ajuste negativo.

O ajuste positivo é quando a ponta ativa obteve um desempenho melhor que a ponta passiva. Ou seja, houve lucro na operação; O ajuste negativo é quando o investidor paga para a contraparte se a ponta passiva render mais. Ou seja, houve prejuízo na operação.

Mais de 4000 questões comentadas para sua certificação financeira

Tributação no Swap

No ajuste positivo há lucro e portanto imposto de renda. Por isso, devemos seguir a Tabela Regressiva de Imposto de Renda, sendo que, é recolhido pela Instituição Financeira;

E atenção: não é permitida a compensação de perdas em ganhos futuros.

Tipos e Riscos de Swap

Tipos:

  • Swap de Fluxo de Caixa
  • Swap com Pagamento no final

Riscos:

  • Crédito
  • Mercado

Prontinho, agora você já sabe tudo sobre mais um dos mercados que existe dentro dos derivativos. A partir de agora é só praticar! 😀

Quer passar em uma certificação Financeira?

Receba um e-book exclusivo com 7 dicas para ser aprovado!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *