Estudando para certificações financeiras ou concurso bancário e se deparou com os elementos essenciais do crédito? Não  tem problema. Nesse artigo vamos falar sobre os seis elementos essenciais:

  • Montante
  • Finalidade
  • Prazo
  • Garantia
  • Risco
  • Remuneração

Os elementos não necessariamente precisam seguir ordem (essa ordem serve somente para facilitar a sua compreensão).

Montante

Vou te explicar através de um exemplo. Se eu quiser comprar um imóvel para colocar a sede da TopInvest que vai ser uma padaria. Se fosse ao banco pedir dinheiro emprestado a primeira pergunta que me fariam é: Quanto? Neste exemplo usaremos o valor de R$100.000,00 que é o nosso montante. A segunda pergunta óbvia por parte do banco seria para que desejo esse dinheiro emprestado. O que nos levam ao segundo conceito. A finalidade.

Finalidade

A finalidade não tem muita explicação não é mesmo. Quando falamos em finalidade relacionado a crédito é basicamente o objetivo para a utilização do empréstimo. Compra de um imóvel, automóvel, máquina, pagar contas ou mesmo capital de giro.

Prazo

Este é outro conceito simples. Em outro material dei um exemplo de que quero abrir uma padaria. Vou precisar de R$ 100.000,00 para a abertura da empresa (montante) para abrir a padaria (finalidade). A próxima pergunta lógica é em quanto quanto tempo vou pagar o empréstimo. Esse é o prazo da operação. Ok, mas o banco emprestar dinheiro tem risco. O que nos leva a próxima pergunta, qual é a garantia que a operação vai ter?

Curso online para Certificação CPA20

Garantia

Qual seria a garantia da operação? Seguindo o exemplo da padaria o que eu posso dar em garantia é uma maquina ou mais. Especificamente podemos estar falando de um forno.

Risco

Revendo a história mirabolante do nosso exemplo eu quero R$100.000,00 emprestados para montar uma padaria. Porém é um negócio novo e não vou ter dinheiro para pagar o empréstimo no primeiro momento, por isso preciso também de um ano de carência para que a padaria comece a ter lucro e poder pagar o empréstimo. Como o lucro é incerto existe o risco. Para quem empresta dinheiro o risco é o da inadimplência.

Sempre que falamos de operações de crédito haverá o risco de crédito ou de inadimplência que é basicamente o risco de quem realiza o empréstimo (recebe o dinheiro emprestado) não pagar o empréstimo realizado.

Remuneração

É claro que não existe nada de graça no mundo e é ai que entra o sexto elemento. A remuneração. Como há o risco e o valor do dinheiro no tempo (digamos que sejam 5 anos) há a remuneração. Em empréstimos, financiamentos e investimentos a remuneração se dá pela taxa de juros.

Gostou do conteúdo? Sabia que temos muitos vídeos sobre certificações e investimentos no nosso canal do Youtube? Clique aqui para conhecer!