Lembra que comentamos em um artigo anterior que o SFI é mais livre de escolha em relação ao SFH?

Pois bem, a seguir convido você para decifrarmos em um quadro comparativo as principais diferenças e a comparação desses dois sistemas. Assim é possível revisarmos os assuntos e saber qual dos programas se encaixa em determinada situação. 

Então, vamos lá? Separamos aqui para você uma divisão entre as operações principais destes dois sistemas, pois são a partir delas que é possível perceber que cada um possui suas concretizações e finalidades.

Quadro Comparativo SFI x SFH

 SFHSFI
LEGISLAÇÃOLei n° 4.380/64Lei n° 9.514/97
FINALIDADE

-População de baixa renda, trabalhador com FGTS;

-Imóvel com valor máximo de R$800.000,00 até R$960.000,00.

Atender a demanda do mercado.
TAXA DE JUROS-

-CET. máximo de 12%;

-Taxa de mercado.

Livremente negociada entre as partes.
VALOR MÁXIMO FINANCIADO

-90% tabela SAC;

-80% tabela PRICE.

Sem restrições.
ORIGEM DOS RECURSOSSBPE, FGTS e propagandas habitacionais.Mercado Financeiro.
IMÓVEL

  Residencial/Comercial/Urbano.

Qualquer imóvel.

Após conferirmos as diferenças entre os dois sistema citados podemos perceber que cada um é regulamentado em uma resolução.

E enquanto o SFH trabalha com a aquisição da casa própria pela população de baixa renda, possui taxa de juros fixada, e com algumas regrinhas específicas, o SFI atende a demanda de financiamento, o qual pode auxiliar para as pessoas de classe média, é de forma mais clara e fácil negociação das taxas, e não possui tantas restrições de contratação. 

Pré Requisito

Notamos que apesar de suas diferenças significativas, estes dois sistemas se formalizam à atribuir o imóvel próprio, ou até mesmo comercial, mas eles dois possuem um único requisito idêntico.

Este quesito pode ser encontrado no prazo máximo de financiamento, que ambos possuem de 35 anos com a última parcela paga até quando o proponente do contrato completar 80 anos e 6 meses.

Porém, lembre-se que este é o único ponto  que o SFH e o SFI se equivalem

Vale destacarmos que cada um oferece opções que se encaixem com o perfil do financiamento desejado. Deste modo é importante saber que a seleção dependerá sempre das características de compra e principalmente do planejamento financeiro, uma vez que a compra de um imóvel é considerada uma aquisição de grande seriedade e relevância, devendo assim passar por uma análise.

Conhecer a diferença entre o SFI e SFH trará maior segurança  para o contratante conversar com a instituição financeira para que se encontre melhores condições de  negócio, valores, tempo e de acordo com a renda familiar.

Por isso, sempre que você desejar realizar o financiamento de um imóvel, procure se informar e conferir todas as condições de cada serviço e operação a seu dispor e se encaixe com o seu desejo. Logo, você evitará futuras dores de cabeça e mais tranquilidade para sua vida!