Certificações Financeiras

O que é Renda Variável?

Kleber Stumpf
Escrito por Kleber Stumpf em 7 de novembro de 2019

Cursos Anbima, Ancord e Abecip com Desconto

Você sabe quais as diferenças entre produtos de Renda Fixa e Renda Variável?

Observando alguns detalhes, vamos conseguir achar que a Renda Fixa é uma dívida e por isso, nela é muito presente o risco de crédito. E ao falarmos de dívida, lembramos que possuímos três características principais: o prazo, a remuneração e a garantia.

Mas agora, quando estamos falando de Renda Variável não estamos falando de dívida e nem de risco de crédito.

Quer saber do que se trata? Então, se liga!

Ponto chave!

  • Títulos de Renda Variável podem ser utilizados para:
    • Investimento
    • Hedge
    • Especulação
  • Principal Risco: Risco de Mercado (Volatilidade)
  • E quando falamos de Renda Variável, lembre que ela varia, para cima e para baixo, por isso, não é possível saber a rentabilidade de forma antecipada

Sabemos que a Renda Fixa não necessariamente irá ter retorno positivo, mas saberemos de forma antecipada qual será a rentabilidade. Diferente desta, que depende do mercado que é soberano.

Curso Online para Certificação CPA10

Principais Ativos

  • Ações
  • Câmbio
  • Metais Preciosos
  • Commodities
  • Derivativos
  • Mercados Futuros

Mercado de Renda Variável

Tanto os ativos de Renda Variável quanto os de renda fixa são negociados em mercado, porém estes, em grande parte, possuem suas negociações realizadas dentro da Bolsa de Valores ou os Mercados de Balcão Organizado.

Essa condição, de ser negociado em bolsa funciona como uma espécie de leilão. E acaba dando uma das características que mais chama a atenção dos ativos de Renda Variável, uma constante variação e oscilação nos seus preços.

Você já deve ter reparado que quando sai alguma notícia sobre o índice Ibovespa todos os dias, ele sobe, ou desce. Nunca fica na mesma posição.

O índice é composto por uma serie de empresas entre as empresas mais listadas da bolsa, as quais tem milhares de negócios diariamente.
Várias pessoas e instituições compram e vendem ações de centenas de empresas. Isso acaba gerando volatilidade nos preços de cada companhia.

Hoje, uma pode estar sendo negociada por R$ 20,00, mas, amanhã pode amanhecer sendo negociada por apenas R$ 18,00 cada.

Esse dinamismo do mercado acaba dando a principal característica aos produtos de Renda Variável: a constante modificação nos preços.
Além das ações, podemos citar aqui também, moedas estrangeiras, como: dólar, euro, yuan, franco suíço entre varias outras e as commodities…

Também podem ser qualificadas como produtos de Renda Variável os metais como ouro e prata. Todos eles possuem preços cotados no mercado, que acabam sofrendo influenciados pelas negociações que ocorrem diariamente.

Caro amigo e amiga, lendo o início de nosso artigo deu vontade de conhecer mais afundo o mercado de Renda Variável? Saber como funcionam as ações, e como avaliar as mesmas?

Antes disso, precisamos fazer o dever de casa. Manter as finanças pessoais em dia é fundamental para gerar uma situação onde você, possa começar a alocar parte de seus recursos em tais produtos financeiros.

Curso Online para Certificação CPA10

Dividendos

Investir em commodities ou em metais, não irá render ao investidor dividendo. Os dividendos e o juro sobre capital próprio são distribuídos pelas empresas.

Ou seja, as companhias acabam gerando resultado, e dependendo do lucro auferido, as mesmas fazem distribuições.

Ao comprar uma ação de tal companhia, você está qualificado a receber a quantia distribuída, lógico que de maneira proporcional a quantidade de ações que você detém.

Por não ser uma matemática exata, a variabilidade de tal aplicação, pode ser notado tanto no valor de mercado do ativo quanto nas distribuições realizadas.

Analisando o histórico de algumas ações, podemos ver que existem companhias que conseguiram empreender um crescimento muito interessante.

Vejamos as lojas americanas por exemplo, negociadas com o código LAME4.
Nos últimos 10 anos a empresa saiu de uma cotação abaixo dos R$ 7,00 por ação, até o valor atual de R$ 16,00!

Mais de 120% de rendimento! Mais que o dobro, aliado a isso, as distribuições também obtiveram um bom aumento.

Em 2008 houve aproximadamente R$ 0,04 pagos por ação, enquanto em 2016 o pagamento foi de um pouco mais de R$ 0,07.

Ou seja, a empresa conseguiu auferir ganhos muito bons durante esse período. Torando os acionistas de LAME4 (Lojas Americanas) muito felizes.
Tudo isso foi alcançado tomando certo risco.

Risco

A Renda Variável, ao contrario da Renda Fixa acaba expondo os seus investidores ao risco. Um deles é de acabar perdendo todo o capital investido.

Empresas novas nascem todos os dias, e também podem vir a falir. Um dos episódios mais marcantes que podemos citar aqui é sobre a OGXP3.
Ela não chegou a falir porem saiu de uma cotação, próxima dos R$ 20,00 por ação, até chegar abaixo do R$ 1,00!

Valendo centavos cada ação fazendo centenas de brasileiros, perderem grande parte de sues patrimônios.

Quer passar em uma certificação Financeira?

Receba um e-book exclusivo com 7 dicas para ser aprovado!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 Replies to “O que é Renda Variável?”

Conheça outras características do Mercado a Termo e sua tributação - ...

[…] Na tributação presente entre características do Mercado a Termo, o IOF é isento. Isto é, não incide sobre operações em mercado de Renda Variável. […]

Rosi Marrons

Otimo !

Poliana

Obrigado, Rosi! 😉

Visite meu canal no YouTube!

Adquira nosso curso completo para as provas da CPA 10.

Tenha acesso a todas as questões comentadas do Simulados TopInvest!

Siga a gnt no Instagram e não esqueça de compartilhar nosso conteúdo para que possamos continuar com a educação financeira gratuita.

Tenha acesso aos materiais de estudos da TopInvest

Um abraço,
Kléber Stumpf