Finanças e Investimentos

Prazo de Cotização e Descotização nos Fundos de Investimento

Kleber Stumpf
Escrito por Kleber Stumpf em 10 de julho de 2020
Junte-se a mais de 100 mil pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Falando em prazo de Cotização e Descotização nos Fundos de Investimentos, a essa altura no campeonato você já sabe que, nós investidores, não investimos nos fundos em dinheiro. Mas, sim em cotas.

Como tudo acontece

Essa brincadeira acontece de forma simples, pois possuímos o dinheiro no banco e decidimos investir em um Fundo de Investimento.

Para isso ocorrer, nós iremos depositar determinada grana na conta do fundo, isto é, para a conta da administradora do fundo.

Porém, a administradora não irá investir essa grana em si, mas sim no que chamamamos de cota. Então, seu dinheiro vai ser transformado em cota e a própria administração poderá acompanhar o rendimento da sua aplicação.

Só que, para que tudo isso ocorra demora um tempo e esse tempo deve estar bem expresso, e claro, no Regulamento do Fundo de Investimento.

Curso Online para Certificação CPA10

Dando nome aos bois

Esse processo que comentei anteriormente é o que chamamos de Cotização. Que é onde transformamos o dinheiro em cotas. E o processo inverso é chamado de Descotização.

Sim, ela existe! A Descotização é basicamente quando a administração pega a cota e a transforma novamente em dinheiro. Que é o dinheiro que vai para a nossa conta.

Até porque, não podemos comprar um pão com cotas, né?

E o tempo para o prazo de Cotização e Descotização nos Fundos de Investimento?

O prazo da Cotização e Descotização é expresso no Mercado Financeiro pela letra D.

Isso aí, esse mesmo que você está pensando.

Desde o prazo de D+0, D +3 num Fundo Multimercado ou D + 30 no Fundo de Ações e assim por diante.

Mais de 4000 questões comentadas para sua certificação financeira

Logo, teremos o D, que expressa o dia de hoje e o número após o sinal de mais, significa quantos dias irá levar a operação para a transformação do dinheiro.

Ou seja, esses dias são expressos os prazos de Cotização e Descotização nos Fundos de Investimento.

Mas, cuidado!

Um detalhe bem importante é que até então falamos dos prazos de Cotização e Descotização, que possuem 60 dias para transformar em dinheiro no fundo. Sendo diferente para cada tipo de fundo. Além disso, deve estar prescrito no regulamento de cada um.

Agora o prazo para resgate é de no máximo 5 dias, sendo igual para todo os fundos.

Note que são coisas bem distintas!

Quer passar em uma certificação Financeira?

Receba um e-book exclusivo com 7 dicas para ser aprovado!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *