Agora que você já conheçe os títulos disponíveis para investimento no Tesouro Direto (Tesouro Selic, Tesouro IPCA e Tesouro Pré Fixado) está na hora de dar o grande passo e realmente começar a investir.

É nessa hora que muita gente fica nervosa com medo de estar fazendo algum passo errado. Para que você não passe por isso eu preparei este passo a passo para investir no tesouro direto.

1 – Abrindo a Conta em uma Corretora de Valores

Lá no início desta série especial de artigos sobre o tesouro direto tratamos sobre como escolher uma corretora de valores. Para criar um passo a passo fiel obviamente é necessário que eu escolha uma corretora para que sirva de exemplo. Eu optei por usar a ModalMais da qual já sou cliente. É uma corretora excelente e sem sobra de dúvidas uma das mais fáceis de se abrir conta e investir no tesouro direto.

Para começar todo o processo você precisa abrir a sua conta, para isso é só clicar no link como mostro na imagem abaixo.

passo a passo para investir no tesouro direto

O próximo passo é preencher os seus dados pessoais para que a instituição financeira possa fazer o cadastro.

passo a passo para investir no tesouro direto

Como os seus dados já estão no sistema financeiro a Modal vai apenas pedir para que você confirme algumas informações.

passo a passo para investir no tesouro direto

Na próxima tela você deve preencher o cadastro de fato com seus dados pessoais. Aqui serão pedidas informações como seu telefone, número de RG, endereço, seus dados profissionais e também informações de patrimônio. Fácil né?

Basicamente em três telas você abriu a conta. Agora é só aguardar a liberação da corretora para prosseguirmos com nosso passo a passo para investir no tesouro direto.

2 – Registrando-se no Tesouro Direto

Antigamente o processo era bem mais complexo. Era necessário fazer o cadastro no site do tesouro e depois validar este cadastro junto ao agente de custódia da sua opção. Hoje é tudo mais simples, o próprio agente de custódia faz o cadastro no Tesouro Direto pra você. Neste caso tudo o que você precisa fazer é entrar em contato com a corretora escolhida (veja como escolher uma corretora de valores) que em nosso caso é a modal e solicitar o cadastro.

3 – Aplicando pelo Site da Corretora

Com a conta aberta na corretora e cadastro efetuado junto ao Tesouro chegamos ao grande momento. Como comentei anteriormente existem duas formas de investirmos no Tesouro. Pode ser realizado diretamente através do site da corretora (o que eu acho super prático) ou pelo site do Tesouro Direto escolhendo o agente de custódia. Vamos começar fazendo a compra pelo site da corretora.

Dentro da aba de opções da corretora iremos em Tesouro Direto.

passo a passo para investir no tesouro direto

O que vai nos jogar diretamente a tela de compras.

passo a passo para investir no tesouro direto

Neste momento vamos fazer a compra do Tesouro IPCA + 2045. Como você pode ver na imagem acima eu já preenchi o valor mínimo de investimento no Tesouro que é de R$ 30,00.

passo a passo para investir no tesouro direto

Como é necessário comprar uma fração do título público o valor é automaticamente ajustado e neste caso vai para R$ 28,17. Este valor é inferior ao mínimo necessário, por isso a operação será negada como você pode ver na tela abaixo.

passo a passo para investir no tesouro direto

Esta primeira tentativa teve apenas a finalidade didática para que você compreenda o que ocorre quando a compra está inconsistente com as regras. Agora, colocando um valor maior a operação será autorizada.

passo a passo para investir no tesouro direto

O valor de R$ 42,00 também será dividida nas frações do título e teremos…

passo a passo para investir no tesouro direto

0,05% de um título do Tesouro IPCA + 2045 a R$ 35,22 o que atende as regras do valor mínimo. Ao clicar em confirmar compra veremos que a transação será processada corretamente.

passo a passo para investir no tesouro direto

Super tranquilo não é mesmo? Se os seus dados cadastrais estiverem devidamente atualizados você deve receber também simultaneamente um e-mail de confirmação da sua compra de títulos públicos e um SMS.

4 – Comprando Títulos pelo site do Tesouro

A segunda forma de se investir é realizando a compra de títulos diretamente pelo site do tesouro. Para isso a primeira coisa a se fazer é logar na plataforma.

Você pode acessar o site e ir em investidor cadastrado.

passo a passo para investir no tesouro direto

Depois é só fazer o login e seguir no menu para “Investir e Resgatar” e selecionar a opção investir.

passo a passo para investir no tesouro direto

Se você tiver cadastro em mais de uma corretora de valores ou agente fiduciário deverá selecionar em qual destas instituições você deseja que os títulos sejam custodiados.

passo a passo para investir no tesouro direto
passo a passo para investir no tesouro direto

Antes em nosso passo a passo para investir no tesouro direto havíamos comprado o Tesouro IPCA + e agora é a vez de investir no tesouro SELIC. O valor do investimento dessa vez será de R$ 5.050,00. Ao clicar na lupinha o site do tesouro irá dividir o seu capital pelas frações do tesouro direto o que nos trará exatos R$ 5.002,17 e 0,52% de um título do Tesouro Selic.

Para prosseguirmos basta clicar em continuar. Agora veremos a tela abaixo para a conferência de que realmente preenchemos corretamente o investimento. Estando tudo correto basta clicar em confirmar.

passo a passo para investir no tesouro direto

E agora seu investimento está realizado. A operação gera um número de protocolo por segurança e assim como no investimento diretamente pela corretora que vimos neste passo a passo para investir no tesouro direto se os seus dados estiverem corretamente preenchidos junto a corretora você receberá um e-mail e um SMS de confirmação.

passo a passo para investir no tesouro direto

Neste artigo você aprendeu um passo a passo para investir no tesouro direto. Todo esse processo é super simples não é mesmo? Agora que você já domina o básico está na hora de começar a compreender um pouco mais sobre os fatores que influenciam a rentabilidade do Tesouro Direto.

Continue acompanhando esta série exclusiva de artigos e descubra para que serve o COPOM e a SELIC e como isso influencia a rentabilidade do Tesouro Direto.