CEA - Certificação Especialista de Investimentos

O que é Day Trade? - Saiba as características e tributação

Kleber Stumpf
Escrito por Kleber Stumpf em 2 de outubro de 2020

Esse aqui é um tema polêmico, mas brincadeiras a parte, hoje vamos entender e saber as principais características de o que é Day Trade.

Esse assunto dá o que falar em conversas e até em reuniões. Mas, brincadeiras a parte como estamos em um local de aprendizagem não irei alimentar nenhuma polêmica.

Se quiser polêmicas é só me seguir lá no meu perfil pessoal, Kleber Stumpf, nele falamos muito sobre investimentos. 😉

Contudo, agora é hora de você deixar as polêmicas de lado. Se você quer saber mais, já começa dando um play aqui embaixo:

Direto ao ponto: o que é Day Trade?

Para você começar sabendo o que é Day Trade é essencial começarmos pelo básico, que é traduzindo essas palavras, visto que, estão em inglês.

  • Day = dia
  • Trade = troca

A partir desse entendimento podemos compreender que Day Trade é uma operação que inicia em um dia e acaba no mesmo dia. Ou seja, acabou o pregão do dia é preciso ir lá e fechar essa operação.

Por isso, é óbvio que estamos falando de curto e curtíssimo prazo.

Curso Online para Certificação CPA10

É uma boa opção de investimento?

Para sabermos se essa operação de curto prazo vale a pena, geralmente utilizamos uma análise técnica e é com ela que encontramos um cenário. O mesmo apresentará se tudo dará certo (lucro) e outro cenário, caso tudo dê errado (prejuízo).

  • Em casos de lucro, deveremos colocar no homebroker: stop win (pare de ganhar)
  • Em casos de prejuízo, deveremos colocar no homebroker: stop loss (pare de perder).

Mais de 4000 questões comentadas para sua certificação financeira

Não esqueça do Imposto de Renda!

Mas, como nada é de graça, o nosso amigo Imposto de Renda também irá aparecer aqui.

Isso porque, Day Trade não é investimento, mas sim uma especulação, pois não gera valor. Desta maneira, por não gerar valor, o governo acaba não sendo muito fã dessa ideia e puni com o IR, a partir de uma alíquota de:

  • 20% sobre os ganhos
  • uma alíquota de 1% retido na fonte (Dedo Duro).

Além disso, possuímos uma observação aqui, pois nessa operação sempre é possível compensar perdas anteriores.

Ficou interessado? Que tal já saber quais são as 7 coisas que ninguém te conta sobre Day Trade?

Quer passar em uma certificação Financeira?

Receba um e-book exclusivo com 7 dicas para ser aprovado!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *