Hoje eu vou falar com você um dos assuntos que mais está dando o que falar e que acabou de ser promulgada, a MP 905 e além do mais responder a grande pergunta: MP 905 e os Bancários, o que muda?

Já ouviu falar? Ficou curioso? Então continua aqui comigo que hoje eu vou desmistificar tudo o que você precisa saber sobre esse assunto.

Para que você comece com tudo e já se alinhando no assunto já dá um play no vídeo aqui embaixo:

O que é essa tal MP 905?

Uma das primeiras coisas e que está realmente dando o que falar é que esta MP diz que agora o bancário deve trabalhar 8 horas diárias, maaas, muitas pessoas estão falando da situação dos caixas. Esta MP diz que o pessoal que trabalha como caixa continuará a trabalhar as 6 horas semanais como antes.

Agora, para ser bem sincero que quero te fazer uma pergunta: você que é bancário e já conhece toda a realidade de um banco, você trabalha 8 ou 6 horas se você não é caixa?

Curso Online para Certificação CPA10

Gente, com certeza a resposta para isso é: todo mundo já trabalha 8 horas por dia!

Mas o que acontece nesta nova norma é que diminui o risco jurídico do banco. E isso acontece porque lá diz que o bancário trabalha 6 horas diárias, dando direito a ele, após uma possível demissão, a sétima e oitava hora de trabalho judicialmente.  

Porém, olha como que é o nosso país… Até haver a reforma trabalhista, todo bancário ganhava essa sétima e oitava hora e o banco que não é bobo nem nada, já deixava precificado essas horas. Isso fazia com que o próprio bancário saísse ganhando menos, pois a instituição já sabia que ele iria entrar na justiça futuramente. Claro que, isso sempre ocorreu com profissionais com maior experiência dentro de um banco, onde tinham de 10 a 15 anos de serviço, ou seja, praticamente na aposentadoria.

Então, basicamente, se os bancos já sabiam e estavam preparados para uma determinada situação, essa nova norma de trabalho de 8 horas, é colocada para a diminuição de risco jurídico do banco. Aí aquela precificação que existia anteriormente não existe mais.

E as horas de quem trabalha como caixa?

O que mais assusta da MP 905 e os Bancários é o número de horas trabalhadas. O caixa do banco ainda continuará a trabalhar as 6 horas e isso é muito justo, sabe porque? Quem trabalha no caixa está sujeito a uma coisa que chamamos L.E.R., a lesão por esforço repetitivo. Pois é esse profissional que fica todo o dia com a cabeça baixa contando dinheiro ou fazendo uma atividade direto na contagem ou recebimento.

Bem diferente de um agente de negócios ou um gerente comercial que caminha, bate papo e ainda vai visitar o cliente. São coisas completamente diferentes. 

Abertura aos sábados

Outra coisa que está deixando muita gente apavorada é a possível abertura dos bancos aos sábados, mas na minha opinião, isso não tem nada de mais. Pensa comigo, você acha que o banco vai abrir aos sábados para o povo ir lá e pagar boleto? As instituições possuem custos para colocar alguém ficar lá, nem que seja só para receber pagamentos de boletos.

Mas, o banco não quer nem que se pague boleto lá dentro, visto que, existem plataformas e aplicativos especialmente para isso. 

O banco vai abrir provavelmente do modelo novo, como por exemplo, o Santander. Eles abriram para uma das ideias mais bacanas nesse mercado, com o intuito em fazer consultoria ao público.

E se você já me acompanha aqui a algum tempo, sabe que eu sempre digo que a melhor maneira para vender algum produto é a partir de uma consultoria. E esse sim, talvez, seja uma ideia para que as instituições possam abrir aos sábados. 

Eu Kléber acredito que talvez isso não aconteça, mesmo eu que amo falar de bancos, mas a qualquer momento de precisarmos, hoje em dias temos tudo em nossas mãos, nos celulares. Então, viu como não há nenhum terror dos sábados e MP 905 e os Bancários?

Como funcionam as Medidas Provisórias? 

Para começar é válido você saber que essas medidas são decretadas pelo presidente, só que não é ele que faz as leis. E por ele não ter esse poder de criar do nada uma lei, ele pode criar esse negócio que chamado de Medida Provisória

Essas medidas após serem criadas possuem uma durabilidade de 60 dias. Após criada, o Senado Federal vai lá vota sim ou não, para que assim possa haver essa existem ou revogar a parte do texto. 

Mais de 4000 questões comentadas para sua certificação financeira

Esse prazo no Brasil pode demorar mais, aí essa medida pode ser revogada por mais 60 dias e por isso que dizemos que uma Medida Provisória tem uma validade de 120 dias.

Então, quando o presidente editou essa medida o Senado terá que votar nos próximos 120 dias para decidir se essa medida é aprovada ou não. 

O que pode acontecer é que se o banco decidir trabalhar no sábado e a medida não ser aprovada, já pensou que o banco terá que voltar a ter o risco legal? Haverá muitas pessoas entrando na justiça, porque trabalharam no sábado e não era preciso. Imagine, só!

Concorda comigo que até os 120 dias passarem, os bancos não irão abrir aos sábados. Então, você cidadão ou cidadã que está preocupado (a), não vejo motivo para mais preocupações.

Como que era e como vai ser?

Uma das dúvidas que eu mais recebo no Instagram da TopInvest (se não me segue corre para seguir: @topinvest_oficial) é sobre a profissão de bancário e se ela vai acabar em função dos bancos digitais.

O que eu posso dizer é que há uma linha tênue aqui entre como era e como vai ser e está em constante transformação.

Como era? O consumidor que ia ao banco sempre ia para pagar boletos, pedir cartão de crédito, ou ainda comprava títulos de capitalização ou o maravilhoso COE (Certificado e Operações Estruturadas). 

Agora com a crescente atualização de todas as influências e tecnologias, esse negócio de ir antes no banco, agora as vendas aos consumidores será uma venda consultiva. Quero dizer, não vai acabar o banco físico, porque precisa de profissionais para fazer consultorias. 

Isso porque é necessário saber de tudo, além da sua própria instituição de trabalho, deve saber dos concorrentes e tudo que gira essa área, pois aí sim poderemos chamar essa pessoa de um bom profissional.  

É esse cara que sempre terá espaço, por mais que existam diversos bancos digitais, nós consumidores não iremos procurar uma agência, mas sim o profissional ideal que nos apresentará o melhor produto para nós.

Sabe as certificações específicas para bancários? A CPA 10, CPA 20 e CEA? Elas são suas e são seus conhecimentos e não dos bancos! Lembre-se disso!

Viu como não é preciso se apavorar?

O essencial é você saber como funciona essa MP 905 e como ela entra na vida profissional de um bancário, pois ela trás certas incertezas mas apresenta grandes avanços no mercado das instituições financeiras.