Ancord

Deveres das Instituições Credenciadoras frente ao AAI

Kleber Stumpf
Escrito por Kleber Stumpf em 27 de julho de 2020
Junte-se a mais de 100 mil pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Aposto que você achou que apenas os profissionais de AAI tinham deveres e obrigações? Nada disso! Além deles, existem também os deveres das Instituições Credenciadoras. Isto é, obrigações bem necessárias.

Curso online Preparatório para Ancord AAI

O que você precisa saber sobre os deveres das Instituições Credenciadoras

Por ser um dos órgãos mais relevantes e essenciais dentro da atividade de Agente Autônomo de Investimentos, a CVM pode autorizar o credenciamento do AAI por outras entidades credenciadoras. Em outras palavras, que não seja a ANCORD.

Para isso, essas instituições devem possuir:

  • Estrutura Adequada e Capacidade Técnica;
  • Estrutura de Auto Regulação com capacidade técnica e independência;
  • Aferir por meio de exame técnico a capacidade do candidato;
  • Zelar pelo aperfeiçoamento contínuo dos profissionais;
  • Manter arquivo comprovando o atendimento de todas as exigências da CVM 497/11;
  • Manter atualizado o cadastro de todos os AAI credenciados.

Mais de 4000 questões comentadas para sua certificação financeira

Deve Divulgar:

  • Todos os AAI credenciados (PF e PJ);
  • Lista das PJ de AAI identificando seus sócios;
  • Identificar com qual I.F os AAI mantém contrato.

Os deveres são:

  • Adotar código de conduta profissional;
  • Fiscalizar o cumprimento do código de conduta profissional;
  • Punir infrações do código de conduta profissional (REVOGADO).

Esta última informação possui tamanha relevância, foi como escrito ali, foi revogado. Isso porque, lá no antigo Módulo 2 dos conteúdos para a certificação de AAI, tratávamos do Código de Conduta deste profissional.

Só que, por conta da exlusão, esta parte não existe mais.

Quer passar em uma certificação Financeira?

Receba um e-book exclusivo com 7 dicas para ser aprovado!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *