Certificações Financeiras

Bolsas Derretendo - O que fazer em momentos de pânico?

Kleber Stumpf
Escrito por Kleber Stumpf em 17 de março de 2020
Junte-se a mais de 100 mil pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Primeiro de tudo, sim eu demorei para falar sobre isso! Mas, esse é um assunto muito sério e antes de eu falar qualquer coisa, eu resolvi entender e ter certeza do que está acontecendo. Literalmente, todas as bolsas estão derretendo neste momento de crise do novo coronavírus e o que fazer em momentos de pânico é um dos pontos mais avaliados nesses últimos dias.

E para que eu possa esclarecer tudo o que penso e te ajudar, já começa conferindo o vídeo aqui embaixo:

O que nos deixa em momentos de pânico atualmente é sim o COVID – 19. O novo vírus que todos, infelizmente, já conhecemos. Surgido na China no finalzinho de 2019, hoje já está em situação de pandemia, por conta da sua rápida transmissão.

Pânico Econômico

Contudo, o que eu quero falar com você é sobre como essa pandemia abalou o Mercado Financeiro. O que não foi pouco!

O índice IBOVESPA que estava batendo seus 116.517,59 pontos em 19 de fevereiro deste ano, no dia 13 de março –  nem um mês depois – caiu totalmente para 82.677,91 pontos. Apresentando uma queda de praticamente 40% na Bolsa de Valores brasileira.

Porém, isso não acontece apenas em nosso país. O abalo econômico ocorreu em todas as bolsas do mundo. Fazendo com que elas tivessem quedas absurdas, em consequência do caos e a aversão à perda foi cada vez mais aumentando.

Com isso, o mundo todo se pergunta o que fazer em momentos de pânico e acaba se encontrando em uma verdadeira escuridão. Sabe porque digo isso? Veja como tudo está gerando diversas perguntas. Note que buscamos respostas condizentes dos governos sobre a saúde, mas também com a economia de um país. Há a busca de políticas estruturadas para evitar a grande recessão do mercado.

E esse aqui para quem estuda para alguma certificação financeira é o clássico exemplo de Risco Sistemático. Não interessa onde estava os seus investimentos, você foi afetado de alguma maneira.   

Curso Online para Certificação CPA10

O que fazer em momentos de pânico?

Aí eu resolvi responder para você 5 perguntas de foco principal para poder te auxiliar. Vamos lá?!

1 – O que fazer com meus investimentos?

  • Se eu tenho em minha carteira de ações: se você já está dentro, deixa tudo lá quietinho e não mexa para não possuir prejuízos; 
  • Se eu invisto em um Fundo de Investimentos em Ações: seja através dos FIS ou até mesmo em uma carteira de ações próprias. Só que há uma galera que está vendo uma desvalorização na casa de 50%. E o que fazer? Nada meus amigos, se você vender agora, ficará com um super prejuízo;  
  • Se eu invisto apenas em Renda Fixa: se você está aqui é porque provavelmente possui medo da Renda Variável ou ainda não a conhece. A não ser que você tenha se tornado um especialista em bolsa nessa última semana ou que você perdeu completamente o seu medo, te digo que esse NÃO é o momento de entrar na bolsa. Sim, ela caiu muito, mas ela deve cair ainda mais, visto que, a pandemia nem chegou ainda no Brasil. E o motivo de você entrar em Renda Variável não deve ser porque a bolsa caiu, mas sim é para diversificar seu patrimônio, aumentar sua rentabilidade e você deve estar ciente dos riscos.

2 – É o momento de entrar no mercado de ações?

Como eu falei anteriormente, a bolsa caiu bastante, isso representa oportunidade de compra? Sim, né! Porém, será que é o momento para entrar mesmo? Olha, o que eu te digo é que depende muito de sua organização. 

Entrar na bolsa é muito pessoal e não tanto do momento econômico. Você vai mais ver mais adiante que eu faço compras todo o mês, toda a semana, e o preço não importa para o pequeno investidor. Eu já operei em todos os mercados que você imagina, com exceção ao mercado de bitcoins, pois eu já tinha uma estratégia rentável para mim. E já perdi dinheiro por tudo, em Derivativos, Opções, Mercado Futuro, e diversos outros!

Até o momento em que eu conheci a Bastter.com que possui uma metodologia simples de simplificação de investimentos, aí eu comecei a ficar mais tranquilo e investir em valor. E desde 2011 eu venho com a mesma carteira, que está se mostrando muito eficiente. Então, o preço não importa para o pequeno investidor, porque para mim é muito mais interessante eu ficar aqui nas minhas outras empresas e dando aula, do que ficar chorando R$ 0,50 que no longo prazo não fará sentido nenhum. 

Logo, o momento de entrar no mercado é quando você se sente confortável com o que você preza. E outra, se você vai começar agora, comece pequeno, não coloque mais de 5% do seu patrimônio na Renda Variável, ok? Porque isso pode te trazer muito nervosismo, e é de grande risco.

Mais de 4000 questões comentadas para sua certificação financeira

3 – Por que está caindo tanto as Bolsas de Valores e Índices?

A Bolsa de Valores e todos os seus ativos financeiros são mandados por duas palavrinhas em inglês, essas duas aqui embaixo:

  • Fear and Greed (medo e ganância): essas duas palavras que mandam na bolsa. Sabemos que ela não anda em linha reta, mas sim em oscilação. E em todos os topos, veremos que o pessoal está ganancioso, e nos buracos há o medo, ou seja, o pavor por conta dessa pandemia. Esses dois sentimentos são compartilhados por todos desde o pequeno investidor até aquele que já está a anos da bolsa.

Falando em pessoas mais experientes temos:  

  • Venda a descoberto: é como você pudesse vender um ativo que você não possui e isso reforça a queda das ações. Que pode ser somada a: 
    • Automatização de Operações;
    • Fundos Long Biased;
    • Fear!

Mas olha só, há o medo da pandemia, as bolsas começam a cair, e ainda ocorre circuit breaker quase todo dia, mais a automação e Fundos Long Biased puxando para baixo. O que é óbvio que pode causar medo, e consequentemente, todo mundo quer vender suas posições no mercado. 

E quanto mais gente vende suas ações, mais a bolsa vai cair. E enquanto não passar a epidemia, as coisas não devem amenizar.

4 – O que deve acontecer nos próximos dias?

  • Pandemia causará uma paralisação global em todos os setores;
  • Consequência disso haverá a redução do PIB.
    • Fear = medo;
    • Greed = ganância e liquidação de caixa.

Curso Online para Certificação CPA10

5 – O que o Kléber está fazendo?

  • Bastteriano: como já falei, eu sou um grande fã do Bastter;
  • Sem emoção, racionalização: penso sempre em dormir e ficar mais tranquilo;
    • Reforço para aporte por 24 semanas;
    • Não se altera em empresa no longo prazo;
    • Preço não importa para pequenos investidores.

Muitas pessoas estão dizendo que já queimaram todo o seu caixa, mas eu pensei diferente. Eu avaliei o meu caixa e fiz o seguinte cálculo: na China levou praticamente 3 meses para que chegasse o pico da pandemia e agora seus casos estão mais baixos, penso que em 3 meses a economia chinesa volte ao normal.

Isso significa 2 trimestres, logo, seis meses. Esses 6 meses eu fiz vezes 4 semanas, totalizando 24 semanas. Assim, eu peguei todo o meu caixa e dividi igualmente pelas 24 semanas.  

Lembra que eu falei antes de começar devagarinho a investir, entrar somente com 5% do patrimônio e não comprar tudo de uma vez? Eu faço compra na bolsa toda a semana, evitando que eu tenha emoções e caia em armadilhas. Independente do preço. 

Se as coisas melhorarem antes, maravilhoso para todos nós, se não, eu já estarei preparado e portarei toda a semana. Por isso, muita calma, que tudo dará certo e você saberá o que fazer em momentos de pânico.

Dúvidas, críticas, sugestões? 

Deixe nos comentários abaixo. É sempre um prazer ter seu feedback.

😉 

Quer passar em uma certificação Financeira?

Receba um e-book exclusivo com 7 dicas para ser aprovado!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *