Certificações Financeiras

Benefícios da Previdência Privada

Kleber Stumpf
Escrito por Kleber Stumpf em 4 de março de 2020

Cursos Anbima, Ancord e Abecip com Desconto

Existem três tipos básicos de benefícios. São eles:

  1. Sacar o montante acumulado;
  2. Transformar em renda;
  3. Ter o pecúlio caso aconteça alguma coisa com o beneficiário.

Sacar o montante acumulado

Bom, se a primeira coisa é que podemos sacar o montante acumulado, saiba que este valor pode ser sacado por completo, aí iremos cair nas tabelas de tributação.

Mas lembra que na Previdência Privada, de acordo com a SUSEPE, podemos fazer uma movimentação a cada 60 dias? E uma coisa que existe e fica bastante na teoria e acontece, mas pouco na prática. É que a cada 60 dias, com um montante rendendo juros, podemos retirar um pouco de dinheiro. Mas saiba que nesse intervalo de 60 dias iremos retirar apenas o juro acumulado.

Ou ainda sacar tudo e investir em algo que você deseje.

Curso Online para Certificação CPA10

Transformar em renda

Já a segunda opção é quando podemos transformar a renda em algo. Como:

  • Renda por sobrevivência – renda a ser paga ao participante do plano que sobreviver ao prazo de diferimento contratado. Geralmente, denominada de aposentadoria. Nela existem:
    • Renda Vitalícia: Nesse caso, o investidor vai receber uma renda mensal até seu último dia de vida;
    • Renda vitalícia conversível ao cônjuge/filhos: Aqui o investidor vai receber uma renda mensal até seu último dia de vida. E, em caso de falecimento, essa renda será repassada ao beneficiário indicado no plano;
    • Renda vitalícia com prazo mínimo garantido: O investidor vai receber uma renda até seu último dia de vida, no entanto terá um prazo mínimo garantido. Ex.: Se o investidor tiver uma renda vitalícia com prazo mínimo garantido de 10 anos e faleça antes destes 10 anos. Aí seus beneficiários receberão até completar 10 anos da contratação;
    • Renda temporária: Nesse caso o investidor estabelece, junto a administradora de sua previdência, um prazo para o recebimento.

Mais de 4000 questões comentadas para sua certificação financeira

Pecúlio

Os benefícios anteriores são de aqueles que chamamos de sobrevivência. Agora, o pecúlio ele vem não necessariamente por sobrevivência, mas sim por um acidente. 

  • Renda por invalidez permanente: renda a ser paga ao participante, em decorrência de sua invalidez total. E pela permanente ocorrida durante o período de cobertura. Depois de cumprido o período de carência estabelecido no plano;
  • Pensão por morte: renda a ser paga ao(s) beneficiário(s) indicado(s) na proposta de inscrição. Em decorrência da morte do participante ocorrida durante o período de cobertura. E depois de cumprido o período de carência estabelecido no Plano; 
  • Pecúlio por invalidez: importância em dinheiro, pagável de uma só vez ao participante. Isso em decorrência de sua invalidez total e permanente ocorrida durante o período de cobertura. E após cumprido o período de carência estabelecido no Plano.

Quer passar em uma certificação Financeira?

Receba um e-book exclusivo com 7 dicas para ser aprovado!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *