Você tem mais dias do mês do que dias de salário? Saiba que você não está sozinho, afinal isso ocorre com milhões de brasileiros.

Segundo uma pesquisa realizada pelo IBGE 25% das famílias brasileiras têm dificuldade em fechar o mês com as contas em dia. Para te ajudar eu criei este material com 7 dicas para sobrar dinheiro todos os meses em seu orçamento.

Afinal de contas, não é porque isso acontece com as outras famílias que precisa ser assim com você também. Vamos as dicas…

1) Economize os pequenos valores

Sempre que começamos a fazer algo é difícil, então uma das dicas para sobrar dinheiro todos os meses é economizar nas pequenas coisas. Começando com pequenos cortes diários com cafezinhos, chocolates, lanches e revistas você pode economizar uma grande quantia no final do mês.

Não estou falando que você não deva ter este tipo de lazer. O grande problema é que a grande maioria das famílias não tem nenhum controle de para onde vai o dinheiro e, por incrível que pareça estes pequenos cortes podem salvar seu orçamento. Essas pequenas despesas quando acumuladas podem levar o seu dinheiro embora sem que você nem ao menos perceba.

Algumas medidas como trocar o restaurante A La Carte por um ao quilo também podem lhe ajudar bastante e acabar fazendo a diferença no final do mês.

O Novo Investidor - Tudo sobre Investimentos, Finanças e Economia

2) Pague-se primeiro

Esta é uma das mensagens mais importantes do Robert Kyosaki autor do livro Pai Rico, Pai Pobre.

Você deve entender que seus investimentos devem funcionar como uma despesa também. Todos os grandes autores de finanças pessoais tem um consenso de que é imprescindível guardar no mínimo 10% de sua renda para um dia alcançar a independência financeira. O grande detalhe é que muitas famílias deixam esta parte por último guardando somente o que sobre da renda do mês e se sobrar.

Adotando o método de assim que receber guardar 10% da sua renda e direcionar este recurso a investimentos de longo prazo será muito mais fácil acumular um bom patrimônio para melhor idade.

3) Consuma de maneira mais consciente

Comprar por impulso ou não possuir prioridades de consumo é uma forma de desperdiçar muito dinheiro. Afinal, além dos prejuízos financeiros a impulsividade e a falta de foco no momento de fazer as compras geram uma péssima sensação de nunca se ter o que realmente se precisa ou o que faz diferença para melhorar a sua vida.

Crie o hábito de consumir com mais sabedoria, ou seja, sempre que for comprar algo avalie o custo benefício desta compra e se ela é realmente necessária. O marketing está cada vez mais eficiente e por isso eu criei um artigo sobre como evitar as armadilhas do consumo.

O que posso lhe adiantar é que uma boa forma de fazer isso é criar uma lista com prioridades. Enumere todos os itens que precisam ser comprados para melhorar sua qualidade de vida de forma significativa.

4) Cuidado com os planos de Telefonia

O Novo Investidor - Tudo sobre Investimentos, Finanças e Economia

Brasileiro ama telefone celular e por isso é impossível não trazer dicas para sobrar dinheiro todos os meses sem tomar cuidado com os gastos de telefonia.

Se você é empresário opte por um plano de celular para sua pessoa jurídica. Se não possuir uma empresa opte por um plano familiar. Além de economizar muito, fazendo isso você vai pagar menos na hora em que for ligar para a sua família ou colegas de trabalho. Fica bem mais barato do que ter um plano individual para cada pessoa.

5) Sempre pesquise

Fazer pesquisa antes de comprar qualquer item de valor maior é importantíssimo. A grande vantagem é que antigamente era necessário ir de loja em loja fazendo perguntas e anotações. Hoje tudo isso é muito mais fácil através da utilização de sites como Buscapé que facilitam este processo. Basta acessar o site, colocar o nome do produto e lá está uma relação com as lojas e preços.

6) Tenha mais de uma fonte de renda

Independente de você ser empresário, autônomo ou funcionário é de extrema importância que você possua mais de uma fonte de renda. Sempre se faça a pergunta do que lhe aconteceria se amanhã você perdesse a sua principal fonte de renda.

O ideal é que esta sua segunda fonte de renda seja uma espécie de hobby remunerado. Eu por exemplo trabalho em uma imobiliária e a TopInvest começou como um hobby. Fundei o site em 2011 e hoje ele já é minha principal fonte de renda.

7) Reavalie seu padrão de vida

Um dos principais empecilhos para que sobre dinheiro no final do mês é ter um padrão de vida acima da renda que se possui. Por isso realizar planejamento financeiro pessoal é importantíssimo. Através do planejamento será possível separar suas despesas entre fixas, variáveis e descartáveis.  Sabendo quais despesas podem ser cortadas é muito mais fácil fazer sobrar dinheiro no final do mês.

Por exemplo, você realmente precisa ter uma assinatura de TV a cabo com todos os canais? Você assiste a todos estes canais (ou algum deles pelo menos) ou fica só no NetFlix?

Sempre que falamos de finanças pessoais não existe o certo e o errado. Cada situação deve ser analisada caso a caso levando em consideração suas finanças e o que lhe faz feliz.

Não adianta você seguir todas estas dicas para sobrar dinheiro todos os meses e ser infeliz. A chave para ter as finanças pessoais em dia é o equilíbrio.

De nada adianta ter um monte de dinheiro no banco e ser infeliz não é mesmo?

Gostou do conteúdo? Sabia que temos muitos vídeos sobre certificações e investimentos no nosso canal do Youtube? Clique aqui para conhecer!